Google+ Badge

Tuesday, June 23, 2015

Viver Brincando de Criar Ilusões

Na semana passada eu fiquei 40 minutos no ponto de ônibus, perto da Casa Branca esperando pelo ônibus que eu teria que pegar.
As pessoas no ponto de ônibus, assim como eu, estavam de saco cheio por esperar o ônibus por um período tão longo.
Nesta longa espera duas garotas em torno de 15 anos me encantam.
Porque ao contrario de mim e dos outros, elas arrumaram uma brincadeira.
Elas começaram a brincar de marchar: Direita, esquerda, volver.

Elas estavam fazendo esta "marcha" rindo o tempo todo.
Quando finalmente o ônibus apareceu, elas deixaram todas as pessoas que estavam esperando subir no ônibus antes delas.
Eu as invejei! E copiei o penteado delas de " duas marias chiquinhas" como simbolo de minha mudança.
A TV e os jornais nos mostram acontecimentos cheios de desgraças no mundo, e nós decidimos nos refugiarmos em nossos  apartamentos.
Anos atras a cantora Marina Lima compôs com o irmão dela Antonio cicero, uma musica que diz:
" Eu espero os acontecimentos, só que quando anoitece a festa  é no outro apartamento..."
Agora quero  ser tão amiga dos meus vizinhos, que serei convidada para todas as festas.
Eu quero amigos leais, ler livros positivos, ouvir somente musicas alegres.

Para mim seria divertidíssimo passar dois dias na Ilha de Caras sendo fotografada, ou junto a todos patrocinadores no castelo da França. Eu sai na revista cara somente uma vez e adorei...
Uma jornada de mil quilômetros começa com um simples passo.
Agora eu brincarei de criar Ilusões.

Eu não me prenderei a nada.
Porem mesmo o nada é uma ilusão.
Eu não sou mais, a pessoa que eu era.
Uma garota feliz, gravida de ilusões.
Eu mudei...
Agora eu dou a luz,  a felizes ilusões.
Eu crio!
Eu extingo!