Google+ Badge

Tuesday, September 22, 2015

Assassinos em Série em Filmes Biográficos. Eu Só Gosto de Matar! Eu Quero Matar!



Zodíaco - Zodiac  é um filme estadunidense de suspense/mistério de 2007 dirigido por David Fincher, baseado no livro de Robert Graysmith de mesmo nome. A Paramount Pictures e a Warner Bros. juntaram na produção estrelas como Jake Gyllenhaal, Mark Ruffalo e Robert Downey, Jr..
O filme narra a história da caçada a um assassino em série conhecido como "Zodíaco", que matou em torno da área da baía de São Francisco durante os anos 1960 e início de 1970, deixando várias vítimas na sua vigia e insultando a polícia com cartas e cifras enviadas para jornais. O caso continua sendo um dos mais famosos crimes não resolvidos de São Francisco.O diretor, o roteirista James Vanderbilt e o produtor Brad Fischer passaram 18 meses conduzindo sua própria investigação e na pesquisa sobre os assassinatos do Zodíaco. 
O filme começa em 4 de julho de 1969, com o segundo ataque do assassino do zodíaco, o tiro de Darlene e Mike no beco dos amantes em Vallejo, Califórnia. Mike sobrevive enquanto Darlene morre por seus ferimentos. Um mês depois, uma carta escrita pelo maníaco do Zodíaco chega ao San Francisco Chronicle. Paul Avery (Robert Downey Jr.) é um repórter policial do Chronicle. Robert Graysmith (Jake Gyllenhaal) é um cartunista político lá.
                                                Jake Gyllenhaal como Robert Graysmith
 O jornal recebe cartas encriptografadas que o assassino envia, insultando a polícia. Por causa do status de Robert como cartunista, ele não é levado a sério por Paul e os editores e é excluído dos detalhes iniciais sobre os assassinatos, apesar do seu interesse no caso. Em particular, ele é atraído para o código encriptografado que é fornecido com as cartas e é dado acesso a um. Quando ele é capaz de quebrar um dos códigos e fazer várias suposições corretas sobre as ações do assassino, Paul começa a compartilhar informações com ele.
O assassino do Zodíaco ataca novamente, apunhalando Bryan Hartnell e Cecelia Shepard , no Lago Berryessa no Condado de Napa. Cecelia morre como resultado do ataque, enquanto Bryan sobrevive. Logo depois, o motorista de táxi de São Francisco, Paul Stine, é baleado. Os detetives policiais de São Francisco, Dave Toschi (Mark Ruffalo) e seu parceiro Bill Armstrong (Anthony Edwards), são designados para o caso, em ligação com outros detetives como Jack Mulanax (Elias Koteas) em Vallejo e Ken Narlow (Donal Logue) em Napa. O assassino, ou alguém se passando por ele, continua a brincar com as autoridades, falando no telefone com o advogado de celebridades Melvin Belli, quando ele faz uma aparição em um talk show na televisão. Paul e Roberto formam uma aliança, aprofundando o caso.
Em 1971, Dave, Bill e Jack questionam Arthur Leigh Allen, um possível suspeito no caso. No entanto, um especialista em caligrafia insiste que Allen não escreve as cartas do Zodíaco. Paul recebe uma nova carta ameaçando sua vida. Ele se torna cada vez mais paranoico e passa a utilizar drogas e álcool. A certa altura, ele compartilha informações com uma força policial rival que irrita Dave e Bill.
Em 1975, Paul deixa o Chronicle. Bill sai da divisão de homicídios e Dave é rebaixado para supostamente forjar uma carta do Zodíaco. Robert, entretanto, continua a sua própria investigação em profundidade, entrevistando testemunhas e detetives envolvidos no caso. Obcecado com o caso resolvido, ele começa a receber telefonemas anônimos com a respiração pesada (na noite da morte da Dalerne, Robert descobriu que alguém passava trotes a família da vítima e faz a mesma coisa). Por causa de sua submersão no caso, Robert perde o seu emprego e sua esposa Melanie o abandona, levando os seus filhos com ela.
Robert persistentemente contata Toschi sobre os assassinatos do Zodíaco e, finalmente, impressiona o detetive veterano com o seu conhecimento do caso. Enquanto Dave não pode diretamente dar a Robert acesso à informação que ele descobriu ao longo dos anos, ele fornece os contatos de outros departamentos de polícia nos municípios onde outros assassinatos ocorreram. O cartunista adquire mais informações que apontam para Allen como o Zodíaco, e apesar dos indícios parecerem indicar a sua culpa, as provas duras, tais como impressões digitais e amostras de caligrafia, o exoneram. Em dezembro de 1983, um total de 14 anos após os assassinatos originais, Robert rastreia Allen n uma loja de ferragens de Vallejo, onde ele é empregado como um vendedor. Oito anos depois, em 1991, Mike se reúne com autoridades e identifica Allen a partir de uma identificação fotográfica da polícia.
Cartões de título finais, no entanto, informam o público que Allen morreu em 1992 antes que ele pudesse continuar a ser interrogado pela polícia, e que testes de DNA realizados em 2002 não encontraram amostras recolhidas a partir das cartas do Zodíaco.
Robert Graysmith ( 17 de setembro de 1942) é um escritor de literatura de não-ficção norte-americano, autor de livros sobre assassinos em série como o Assassino do Zodíaco (1976) e The Murder of Bob Crane (1993, O Assassínio de Bob Crane).
David Ramon Toschi ( 11 de julho de 1931) é um ex-inspector do Departamento de Policia de sao Francisco, onde atuou de 1952 até 1983. 

Paul Avery (20 de agosto de 1934 - 10 de dezembro de 2000) foi um repórter policial americano, mais conhecido por suas histórias sobre o infame serial killer Zodíaco, e mais tarde por seu trabalho sobre o rapto de Patricia Hearst.
Arthur Leigh Allen (18 de dezembro de 1933 - 26 de agosto de 1992) era o principal suspeito da aplicação da lei no caso do assassino do zodíaco. Allen se tornou conhecido publicamente como suspeito Zodiac logo após o lançamento de Zodiac, um livro de autoria de Robert Graysmith. Allen foi liberado através de uma comparação de DNA, impressões digitais, impressões palmares e caligrafia. Arthur Leigh Allen morreu em 26 de agosto de 1992 de um ataque cardíaco em sua casa em Vallejo.

Cidadão X é filme de 1995, que abrange a investigação do assassino em série soviético Andrei Chikatilo, que foi condenado em 1992 por matar 53 mulheres e crianças entre 1978 e 1990, e os esforços de detetives na União Soviética para capturá-lo.
 O filme é baseado no livro de não-ficção de Robert Cullen O Departamento Matador (1993).
Um corpo é descoberto em uma fazenda coletiva durante a colheita em 1982. em sequencia, o oficial recém-nomeado, Victor, encontra mais sete corpos em diferentes estágios de decomposição. O filme conta a história da caça de oito anos subsequentes por Victor para encontrar o assassino em série responsável pela mutilação e assassinato de mais de 50 pessoas, 35 delas com idade inferior a 18 anos. Victor é promovido a detetive e, eventualmente, auxiliado, dissimuladamente em primeiro lugar, pelo coronel Mikhail, o seu comandante e o chefe astuto da comissão provincial para o crime, e, muito mais tarde, pelo Dr. Alexandre Bukhanovsky, um psiquiatra.

       Odetetive Victor Burakov foi representado por Stephen Rea
O filme retrata a propaganda soviética e a burocracia que contribuiu para o fracasso das agências de aplicação da lei para capturar o assassino, Andrei Chikatilo, há quase uma década. Crimes de Andrei não foram relatados publicamente durante anos. Os políticos locais estavam temerosos tais revelações teria um impacto negativo sobre a imagem da URSS, uma vez que os serial assassinos foram associados com a corrupção moral ocidental.
Andria veio pela primeira vez sob escrutínio no início da pesquisa, quando ele foi flagrado em uma estação segurando um saco mochila contendo uma faca. Ele foi prontamente preso. Infelizmente, ele foi protegido da investigação e liberado devido a sua condição de membro do Partido Comunista. Além disso, os laboratórios criminais soviéticos erroneamente informou que seu tipo de sangue não era igual ao encontrado nos assassinatos. Tudo isso mudou no âmbito das reformas políticas  e perestroica, e a busca para o assassino começou a fazer progressos.
Com o passar do tempo e flexibilização das restrições políticas, eles elaboraram um plano para cobrir quase todas as estações de trem, onde o assassino em série rapinas em cima do jovem, com homens uniformizados visíveis para desencorajar o assassino. Três estações, no entanto, são deixadas sozinhos, exceto por agentes secretos. Andrei, eventualmente, é descoberto e identificado através da diligência de, um soldado à paisana local.

                 Andrei Chikatilo representado por Jeffrey Demunn
Preso, Andrei  é interrogado durante sete dias consecutivos por Gorbunov, um linha-dura soviético que insiste que ele era o único capaz de extrair uma confissão. Andrei não vai ceder e, sob pressão o, psiquiatra Alexandre é introduzido. Recitando a sua longa análise e especulação, que ele fez três anos antes, de personalidade e tendências do assassino sexualmente frustrado, Andrei chora e admiti sua culpa e responde a perguntas específicas sobre os detalhes de alguns assassinatos. Depois, Andrei leva os agentes da lei para as cenas de crime e três sepulturas não detectados anteriormente.
Ele foi condenado e sentenciado à morte. O filme termina com ele sendo conduzido para uma câmara de prisão sem nome e mostra ele olhando em choque com um dreno central no chão do quarto como um soldado soviético uniformizado da um tiro de pistola na parte de trás da cabeça do assassino.
Andrei Chikatilo nasceu no dia 16 de outubro de 1936 e morreu no dia 14 /02/1994.

A Troca é um filme estadunidense de 2008 dirigido por Clint Eastwood . Baseado em eventos reais que ocorreram na Los Angeles de 1928, o filme é estrelado por Angelina Jolie como uma mulher que reencontra um menino que seria seu filho desaparecido, logo percebendo que ele na realidade é um impostor. Ela confronta as autoridades da cidade, que a difamam como doente mental, e mãe incapaz. Changeling é inspirado no caso real de sequestro e assassinato chamado "Galinheiro de Wineville". O filme explora a impotência feminina, corrupção policial, abuso infantil e as repercussões da violência.

                                           Christine Collins representada por Angelina Jolie
Christine Collins nascida Christine Ida Dunne (14 de dezembro de 1888 - 08 de dezembro de 1964 )
Cônjuge (s) Walter Anson
Crianças Walter Collins
                                         Jason Butler Harner como Gordon Northcott
Gordon Northcott
Data dos crimes: 16 de agosto de 1926 31 de agosto de 1928
tipo de ataque: Abuso sexual, picar o corpo.
Armas Machado, espingarda
20 vítimas
                                       ChefeJames E. Davis representado por Colm Feore
James Edgar Davis (1889 - 20 de junho de 1949) foi um policial americano que serviu como o chefe do Departamento de Polícia de Los Angeles de 1926-1929, e de 1933 a 1939. Durante seu primeiro mandato como chefe de polícia de Los Angeles, Davis enfatizou o treinamento de armas de fogo. Sob Davis, o departamento desenvolveu sua reputação duradoura como uma organização que contou com a força bruta para impor a ordem pública. Ele também se envolveu publicamente em corrupção. Os membros do departamento policial foram revelados ter levado a cabo uma campanha de perseguição brutal, incluindo os atentados de reformadores políticos que provocou a ira do departamento e da administração civil.
Sob Chefe Davis, reformas da função pública foram implementadas na Carta da Cidade através do processo de escrutínio iniciativa que isolou o departamento de polícia de influência política.

Longford é um filme de 2006, centrado no membro do Partido Trabalhista Lord Longford e sua campanha para a liberdade condicional de  Myra Hindley.
.Ele recebe uma carta de um dos mais notórios criminosos na Grã-Bretanha,  Myra , condenada a prisão perpétua por ter participado no assassinato de três crianças com o namorado.
Quando ele visita-a, ela pede livros.
Ela decide se converter a católica romana a fé dele. Ele visita o namorado duas vezes; em ambas as ocasiões, ele lhe diz que ela é manipuladora e que ele deveria virar as costas para ela, como ela só está interessada em ganhar libertação da prisão. Mas impulsionado por sua crença religiosa profunda que todas as pessoas são, em última análise boas, decide continuar em seu curso, apesar da opinião pública contraria, e crítica da família e, apesar de descobrir que ela mentiu para ele.
Em 1986, ela revela que eles foram responsáveis ​​por mais dois assassinatos. Mais tarde, ela ajuda a polícia localizar o corpo de uma das vítimas.
Mesmo com as revelações dela provocando mais hostilidade pública, ele permanece leal  e continua a apoiar a sua campanha para a liberação. Particularmente, ele é descrito como sendo afetado pelas dúvidas. Ele é visto pela última vez visitá-la na prisão na década de 1990, época em que ele estava frágil e em seus anos noventa.
Francis Aungier Pakenham, sétimo conde de Longford, 1º Barão de Pakenham, (5 de Dezembro 1905-3 Agosto de 2001), era um político britânico e reformador social. Um membro do Partido Trabalhista. Ele ocupou cargos de gabinete em várias ocasiões entre 1947 e 1968. Ele foi politicamente ativo até sua morte em 2001. Ele foi um dos poucos pares hereditários aristocráticos que serviu em altos cargos dentro de governos trabalhistas, no momento associado com o socialismo e da esquerda política.
Ian Brady: 2 Janeiro 1938 (77 anos)
Myra Hindley: (23 de julho de 1942 - 15 de novembro de 2002)
A causa da morte pneumonia brônquica causada por uma doença cardíaca
assassinatos de 5 vítimas.
Os assassinatos ocorreram entre 12 de julho de 1963 - 6 de outubro de 1965 na Inglaterra.



O Assassino da Internete
Philip Markoff Haynes (12 de fevereiro, 1986 - 15 agosto de 2010) era o filho de Susan  e Richard Markoff, um dentista em Nova York. Ele tinha um irmão mais velho, Jon Markoff. Ele se formou em 2004 de Vernon-Verona-Sherrill segundo grau , onde ele era um membro da National Honor Society,  a história do clube, e do Tribunal da Juventude, e as equipes de rolamento da escola e de golfe.

Após o colegial,  ele era um estudante de medicina e membro dos Jovens Republicanos. Ele se formou em Suny Albany em 2007.  Ele era um estudante de medicina de segundo ano na Faculdade de Medicina da Universidade de Boston na época dos crimes. Ele foi suspenso da escola após as acusações contra ele.
Um grande júri indiciou o condenou por assassinato em primeiro grau, assalto à mão armada, e outros encargos. Markoff  afirmou sua inocência de todas as acusações e se declarou inocente em sua acusação.
Trisha Leffler ( foi ligada, amordaçada, e assaltada à mão armada na sexta-feira 10 de abril, 2009, no Place Hotel em Boston, Massachusetts.
Julissa Brisman (que havia postado um anúncio oferecendo serviços de massagem on-line) foi encontrado morta na terça - feira, 14 de abril, 2009, no Marriott Copley, também em Boston.
Corinne Stout (uma dançarina exótica oferecendo serviços de dança sensual) foi vítima de tentativa de assalto na quinta-feira, 16 de abril, 2009, no Hotel de  Rode Island.
Em 20 de abril de 2009, citando a segurança câmera metragem, atividade celular, e-mail contas como prova, a polícia o prendeu, e el  foi acusado de assalto à mão armada e seqüestro para os eventos de 10 de abril, e assassinato na morte de  14 de abril. A prisão ocorreu na rodovia Interestadual 95 em W Massachusetts, enquanto ele e sua noiva estavam a caminho de um Casino .
Ele conheceu Megan, uma nativa de Nova Jersey, em 2005, enquanto ambos eram voluntários em sala de emergência do  Medical Center Hospital.  Eles estavam prestes a se casar, com seu casamento planejado para 14 de agosto de 2009
Em 15 de agosto de 2010, ele suicidou-se na cela, em Boston, onde ele estava à espera de julgamento. Os meios de comunicação têm se referido a este assassinato e outros crimes como "assassinatos Internet", porque o assassino foi alegadamente encontrou suas vítimas através de anúncios colocados na internet, dois dos quais estavam oferecendo serviços eróticos.


 Terra de Ninguém - Badlands  é um filme americano de 1973, dirigido por Terrence Malick e estrelado por Martin Sheen e Sissy Spacek.
O filme é narrado por Holly, uma adolescente vivendo em um cidade da Dakota do Sul. Um dia ela conhece Kit, um jovem rebelde que a encanta e a leva como sua cúmplice em uma onda de assassinatos pelo estado. A narração de Holly, descrevendo suas aventuras com Kit com clichês românticos, é justaposta com a realidade cruel do apetite sociopata de Kit por violência macabra. A história, embora fictícia, é vagamente baseada no assassinato da vida real de Charles e sua namorada, Caril , em 1958.
                                             Caril e Charlie
Charles Raymond "Charlie" Starkweather (24 de novembro de 1938 - 25 de junho de 1959) era um assassino adolescente americano, que matou onze pessoas no período de dois meses entre dezembro 1957 e janeiro de 1958. Todos, menos uma das vítimas dele, foram mortos entre 21 de janeiro e 29 de janeiro de 1958, data da sua prisão. Durante os assassinatos cometidos em 1958, ele estava acompanhado por seu sua namorada de 14 anos de idade.
Caril Ann Fugate (nascida em 30 de julho de 1943). Ela é a mulher mais jovem na história dos Estados Unidos até à data ter sido julgada por assassinato em primeiro grau. Ele insistiu que, embora ele tenha pessoalmente matado a maioria das vítimas, ela teria assassinado vários também. Embora ela continuou a manter sua inocência, ela foi julgada e condenada. Com base nas provas apresentadas que ela teve oportunidades para deixar seu cativeiro. Ela foi condenada à prisão perpétua.
Libertação da Prisão 
                                                     Caril com seu marido
Considerada uma prisioneira modelo, ela foi libertada em 1976 depois de cumprir 17 anos. Após a sua libertação, ela trabalhou como assistente de zeladoria até se aposentar.
Em 2007, ela casou-se com, um maquinista onze anos mais velho que também trabalhava como observador do tempo para o Serviço Nacional de Meteorologia. Ela ficou gravemente ferida em 2013, num acidente de veículo. O seu marido, que estava dirigindo, quando ele saiu da estrada e capotou, morreu no local do acidente. 


D.C. Atirador: 23 Dias de Medo  é um telefilme produzido nos Estados Unidos em 2003. Baseados na história real da série de Ataques a Tiros em na via circular pelos franco-atiradores John  e 'Lee  em Outubro de 2002 nos estados da Virgínia, Washington D.C. e Maryland nos Estados Unidos.
Nascido John Allen Williams em, Louisiana, ele e sua família se mudou para Nova Orleans, quando sua mãe foi diagnosticada com câncer de mama; ela morreu quando ele tinha três anos.  Após a morte de sua mãe, seu pai deixou e ele foi criado principalmente por seu avô e uma tia. Em 1987, ele entrou para a Nação do Islã.
Como membro da Nação do Islã, Maomé ajudou a fornecer segurança para o "Marcha de Um milhão de Homens" em 1995, mas líder da Nação do Islã, Louis Farrakhan se distanciou e sua organização de crimes de Maomé publicamente.
Williams mudou seu nome para John Allen Muhammad, em Outubro de 2001.
Ele se divorciou duas vezes; a sua segunda esposa, Mildred, obteve uma ordem de restrição. Ele foi preso por acusações federais de violar a ordem de restrição contra ele por possuir uma arma. Sob a lei federal, aqueles com ordens de restrição são proibidos de comprar ou possuir armas. Os advogados de defesa no julgamento de Malvo e a acusação no julgamento dele argumentou que o objetivo final do assassinatos era matar Mildred para que ele pudesse recuperar a custódia de seus três filhos.
Em agosto de 1978, John se alistou na Guarda Nacional do Exército Louisiana como um engenheiro de combate. Muhammad foi transferido para o Exército regular em 6 de Novembro de 1985, e seu primeiro trabalho foi para o Batalhão de Engenharia 15 em Fort Lewis, Washington. Em 1990 ele estava estacionado em Nuremberg, Alemanha com o 84 Engineer Co. Em 1992, John estava estacionado em Fort Ord, Califórnia com o Batalhão de Engenharia 13º.

Enquanto no Exército dos EUA, John foi treinado como um mecânico, motorista de caminhão, e metalúrgico especialista. Ele se classificou com o rifle padrão do Exército, o M16, ganhando Distintivo de Perito Rifleman. Esta avaliação é no Exército o mais alto dos três níveis de tiro básico rifle para um soldado.
John serviu em uma unidade de engenharia durante a Guerra do Golfo de 1991. Ele recebeu a Medalha de Serviço Sudoeste da Ásia, a Medalha da libertação de Kuwait (Arábia Saudita), e com a Medalha da libertação de Kuwait (Kuwait).
John foi dispensado do Exército em 24 de Abril de 1994, após 17 anos de serviço com a patente de sargento.
Para seu serviço no Exército, ele recebeu os seguintes prêmios: Medalha Army Service, Medalha de serviço da defesa nacional, suboficiais fita de Desenvolvimento Profissional, e Medalha da realização do Exército.
John Allen Muhammad nascido John Allen Williams (31 de dezembro de 1960 - 10 de novembro de 2009)

Monstro - Desejo Assassino (2003) é um filme sobre uma ex-prostituta que foi executada  por matar seis homens. Patty Jenkins escreveu e dirigiu o filme.
                                                 Aileen foi interpretada por Charlize Theron
Aileen Wuornos Carol (29 de fevereiro de 1956 - 09 de outubro de 2002) foi uma serial killer americana que matou sete homens na Flórida entre 1989 e 1990. Ela alegou que suas vítimas a tinham estuprado ou tentado estuprá-la enquanto ela estava trabalhando como prostituta, e que todos os homicídios foram cometidos em legítima defesa. Ela foi condenada e sentenciada à morte por seis dos assassinatos e foi executada pelo Estado da Flórida por injeção letal em 09 de outubro de 2002.

Ted Bundy (2002) é um filme crime americano dirigido e co-escrito por Matthew Bright. O filme dramatiza os crimes do assassino em série:
Theodore Robert Bundy nascido Theodore Robert Cowell ( 24 de novembro de 1946 - 24 de janeiro de 1989) foi um assassino em série americana, raptor, estuprador, e necrófilo que assaltou e assassinou várias mulheres jovens e meninas durante os anos 1970 e possivelmente mais cedo. Pouco antes de sua execução, depois de mais de uma década das recusas, confessou 30 homicídios cometidos em sete estados entre 1974 e 1978. O verdadeiro número de vítimas continua a ser desconhecido, e poderia ser muito maior.
Ele  era considerado como bonito e carismático por suas vítimas jovens do sexo feminino, traços ele explorou para ganhar sua confiança. Ele normalmente se aproximou deles em lugares públicos, fingindo lesão ou deficiência, ou fingir ser uma figura de autoridade, antes de overpowering e agredir-los em locais mais isolados. Ele às vezes revisitado suas cenas do crime secundárias por horas em um tempo, preparação e realização de atos sexuais com os cadáveres em decomposição até a putrefacção ea destruição pelos animais selvagens feitos mais interação impossível. Ele decapitado pelo menos 12 de suas vítimas, e manteve algumas das cabeças cortadas em seu apartamento por um período de tempo como lembranças. Em algumas ocasiões ele simplesmente invadiu residências durante a noite e espancado até suas vítimas enquanto dormiam.