Sunday, September 6, 2015

Os LGBT Retratados em Filmes Biográficos e Documentários



Aids
E a Vida Continua é um docudrama 1993  americano dirigido por Roger Spottiswoode. E é baseado no livro de 1987 de não-ficção " E a Banda Toca: Política, Pessoas, e a Epidemia de Aids" por Randy Shilts.

Filadélfia (1993) é um filme de drama americano e um dos primeiros principais filmes de Hollywood a reconhecer o HIV / AIDS, homossexualidade e homofobia. Ele foi escrito por Ron Nyswaner, dirigido por Jonathan Demme e estrelado por Tom Hanks e Denzel Washington.
Geoffrey Francis Bowers (29 de dezembro de 1953 - 30 de setembro de 1987) foi o autor de um dos primeiros casos de discriminação AIDS para ir para a audiência pública.  Ele recebeu seu diploma de ciência política. Ele trabalhou em uma fábrica e como um repórter de televisão antes de se matricular em direito
 Em abril de 1986, ele foi diagnosticado com sarcoma de Kaposi e AIDS. 
Em Maio de 1986 os sócios da empresa que ele trabalhava lhe deram  uma avaliação satisfatória. No entanto, dois meses depois o demitiram.
A sua família processou os escritores e produtores do filme Filadélfia, alegando que ele foi baseado em sua vida. Um ano após a sua morte , o produtor Scott Rudin havia entrevistado a família Bowers e seus advogados e, de acordo com a família, prometeu-lhes uma indemnização. Os membros da família afirmam que 54 cenas do filme foram muito semelhantes aos eventos na vida de Geoffrey. A ação foi estabelecida em 199. Embora os termos do acordo não foram divulgados, os réus reconheceram que o filme era "inspirado em parte" pela história de Bowers.


Clube de Compras Dallas (2013) é um filme de  drama biográfico americano, co-escrito por  dirigido por Jean-Marc Vallé. 
Ron era um paciente de AIDS diagnosticado em meados de 1980 quando os tratamentos de HIV / AIDS, enquanto a doença não era compreendida e altamente estigmatizada. Como parte do movimento experimental tratamento da AIDS, ele contrabandeou drogas farmacêuticas não aprovados em Texas para tratar seus sintomas, e distribuiu-os aos colegas as pessoas com AIDS, estabelecendo as "Clube de Compras Dallas", enquanto enfrenta a oposição da Administração de Comida e Drogas Food (FDA). 


Matthew McConaughey como Ron Woodroof

Ronald Dickson "Ron" Woodroof (03 de fevereiro de 1950 - 12 de setembro de 1992) 
Ele processou os Estados Unidos "Administração de Comidas e Drogas"  sobre a proibição de uma droga que ele estava usando.


Atores


Rock Hudson (1990 ) TV Movie
Biografia do ator Rock Hudson se concentra em sua luta com sua homossexualidade. Baseado no livro de sua ex-esposa, Phyllis Gates, e nos registros judiciais do processo civil trazido por seu antigo amante, Marc Christian.
Rock Hudson nascido Roy Harold Scherer Jr. (17 de Novembro de 1925 —  2 de outubro de 1985), foi um ator norte-americano. Rock Hudson foi votado Estrela do Ano, Galã Favorito, e títulos semelhantes por inúmeras revistas de cinema. O ator de 1.96 m de altura foi uma das estrelas de cinema mais populares e mais conhecidas do seu tempo. Ele completou cerca de 70 filmes e estrelou em várias produções para a televisão durante uma carreira que durou mais de quatro décadas. Ele foi a primeira grande celebridade a morrer de uma doença relacionada à AIDS.


Para ser Takei Junto com seu marido Brad, o ator-ativista George relembra sua carreira de ator notável e mau senso de humor em um novo papel como amado ícone da cultura pop e fenômeno da Internet.
Hosato "George" Takei (20/04/1938) é um ator estadunidense cujo papel de maior destaque foi o do oficial do leme Hikaru Sulu na telessérie original de Star Trek e nos longa-metragens para o cinema relacionados com a série. George Takei fala três línguas fluentemente: inglês, japonês e espanhol.
Devido a sua ascendência japonesa, em 1942 a família de George Takei foi transferida primeiramente para o campo de detenção, no estado de Arkansas, e mais tarde para o centro de detenção (i. e campo de concentração)  na Califórnia, retornando a Los Angeles com o término da Segunda Guerra Mundial. Ele interpretou Hikaru Sulu na série de televisão, Star Trek: The Original Series (1966 - 1969), Star Trek: The Animated Series (1973 - 1974) . Na década de 1970, ele participou da política municipal de Los Angeles. Fez participações especiais em telesséries americanas (como os Simpsons).
Em 2005, revelou sua homossexualidade.
Em 2006, ele tornou-se locutor do programa de rádio.

Ativistas

O Einstein do Sexo: A vida e o trabalho do Dr. M. Hirschfeld (alemão: Der Einstein des sexo) é um filme alemão 1999 dirigido por Rosa von Praunheim. O drama segue a vida do médico judeu Magnus , que era um sexólogo e socialista gay. Em 1897, ele fundou o primeiro grupo gay político na história.
Embora inspirado pela vida de Magnus, o filme é uma obra de ficção.
Magnus Hirschfeld (14 de maio, 1868 - 14 maio de 1935) foi um médico alemão judeu e sexólogo educado principalmente na Alemanha; ele baseia sua prática em Berlin-Charlottenburg. Um defensor para as minorias sexuais, ele fundou o Comitê Científico Humanitário. Este grupo realizou a primeira defesa de direitos homossexuais e transexuais. Em 1887-1888, ele estudou filosofia em Breslau, em seguida, 1888-1892 medicina em Estrasburgo, Munique, e Berlim. 
Em 1892 ele ganhou seu doutorado. Depois de seus estudos, ele viajou pelos Estados Unidos durante oito meses. Então ele começou a prática da naturopatia.
Em 1871  o parágrafo 175, da seção do código alemão criminalizou a homossexualidade
Em 1897, ele junto com o editor Max Spohr, o advogado Eduard Oberg, e o escritor Franz Joseph von Bülow, fundaram o Comitê Científico Humanitário com o objetivo de realizar pesquisas para defender os direitos dos homossexuais e revogar a pena. O lema do comitê , "Justiça através da ciência", refletindo a crença de que uma melhor compreensão científica da homossexualidade eliminaria animosidade social contra os homossexuais. O Comitê reuniu mais de 5000 assinaturas de alemães de destaque em uma petição para derrubar o Parágrafo 175. Os signatários incluíam Albert Einstein, Hermann Hesse, Käthe Kollwitz, Thomas Mann, Heinrich Mann, Rainer Maria Rilke, August Bebel, Max Brod , Karl Kautsky, Stefan Zweig, Gerhart Hauptmann, Martin Buber, Richard von Krafft-Ebing e Eduard Bernstein.
Em 1896 ele publicou um panfleto, Safo e Sócrates, sobre o amor homossexual (sob o pseudônimo de Th. Ramien).
Em 1904, entrou para Liga para a Proteção das Mães, a organização feminista fundada por Helene Stöcker. Ele fez campanha para a descriminalização do aborto, e contra as políticas que proibiram professoras e funcionários públicos de se casar ou ter filhos.
Em 1921 ele organizou o Primeiro Congresso para a Reforma Sexual
Em 1928 foi criada a Liga Mundial para a Reforma Sexual. Congressos.
Em 6 de maio de 1933, quando os nazistas tomaram o poder, eles atacaram Instituto dele, e queimaram os seus livros, e seus arquivos 
Quando os livros foram queimados havia deixado a Alemanha para uma turnê que o levou ao redor do mundo; ele nunca voltou para a Alemanha.

Cantores

Cazuza - O Tempo Não Pará é um Filme brasileiro de 2004,  dirigido por Sandra Werneck e Walter Carvalho.
Agenor de Miranda Araújo Neto, mais conhecido como Cazuza (4 de abril de 1958 - 7 de julho de 1990) foi hum cantor, compositor, poeta e escritor brasileiro. Conhecido como vocalista e letrista da banda Barão Vermelho. A sua Parceria com Roberto Frejat foi criticamente aclamada; com composições famosas Junto ao Barão Vermelho estão:"Todo Amor Que Houver Nessa Vida", "Pro Dia Nascer Feliz", "Maior Abandonado", "Bete Balanço" e "Bilhetinho Azul".
Cazuza é considerado hum dos maiores compositores da música brasileira. Dentre seus sucessos musicais em Carreira solo, destacam-se: "Exagerado", "Codinome Beija-Flor", "Ideologia", "Brasil", "Faz Parte Do Meu Show", "O Tempo de: Não Pará" e "O Nosso Amor a Gente Inventa ". Cazuza também ficou conhecido por ser rebelde, boêmio e polêmico, Tendo declarado em Entrevistas que era bissexual. Em 1989 declarou ser soropositivo (termo usado para descrever a Presença do vírus HIV, causador da Síndrome da Imunodeficiência Adquirida - AIDS - sem sangue) e sucumbiu à doença em 1990, no Rio de Janeiro. Em outubro de 2008, a revista Rolling Stone promoveu uma Lista dos Cem Maiores Artistas da Música Brasileira, Cujo resultado colocou  Cazuza na 34ª posição.


      Cazuza e a versão de Daniel de Oliveira 



Somos Tão Jovens é um filme brasileiro de 2013, uma obra biográfica sobre a juventude do cantor Renato Russo.  Dirigido por Antonio Carlos da Fontoura.
Renato Manfredini Júnior conhecido como Renato Russo ( 27 de março de 1960 — 11 de outubro de 1996), foi um cantor e compositor brasileiro, célebre por ter sido o vocalista e fundador da banda de rock Legião Urbana. Antes de fundar o grupo, Renato integrou o grupo musical Aborto Elétrico, do qual saiu devido às constantes brigas que havia entre ele e o baterista Fê Lemos. Adotou o sobrenome artístico Russo em homenagem ao inglês Bertrand Russell e aos franceses Jean-Jacques Rousseau e Henri Rousseau.
                                                Renato Russo e a versão de Thiago Mendonça
Renato morreu devido as complicações causadas pelo HIV, com 36 anos. Amigos do cantor afirmam que o mesmo contraiu a doença após se envolver com um rapaz que conheceu em Nova Iorque, portador da doença, em 1989. Como integrante da Legião Urbana, Russo lançou oito álbuns de estúdio, cinco álbuns ao vivo, alguns lançados postumamente, e diversos contos, escritos em sua maioria pelo próprio. Gravou ainda três discos solo e cantou ao lado de Herbert Vianna, Adriana Calcanhoto, Cássia Eller, Paulo Ricardo, Erasmo Carlos, Leila Pinheiro, Biquíni Cavadão, 14 Bis e Plebe Rude. Em outubro de 2008, a revista Rolling Stone promoveu a Lista dos Cem Maiores Artistas da Música Brasileira, em que Renato Russo ocupa o 25°. lugar.


Cinema

A Bit Of Scarlet (1997) Directed by Andrea Weiss. A Bit of Scarlet excavates clips from Britain's film archives to create a moving and humorous testament to the gay and closeted lesbian images from filmmaking's earliest days.

O Celulóide Secreto ou O Outro Lado de Hollywood -The Celluloid Closet  (1995) dirigido e escrito por Rob Epstein e Jeffrey Friedman. O filme é uma produção francesa, britânica, alemã e estadunidense, baseado no livro homônimo de Vito Russo, que pesquisou a história de quais filmes, especialmente de Hollywood retratavam personagens gays, lésbicas, bissexuais e transgêneros.
O documentário entrevista vários homens e mulheres conectados à indústria cinematográfica de Hollywood para comentar várias passagens nos filmes e suas próprias experiências pessoais em como lidar e atuar com e como personagens LGBT. Dos personagens afetados à censura do Código de Produção de Hollywood, também conhecido como Código Hays, dos personagens implicitamente homossexuais, dos cruéis estereótipos aos progressos conquistados na década de 1990.
Vito Russo quis transformar seu livro num documentário e ajudou no projeto até sua morte em 1990. Muitos críticos notaram que o tom dado ao filme era menos político do que no livro e encerrava-se com mais otimismo. Russo queria assim entreter e refletir as mudanças positivas que ocorreram na década de 1990.

Crimes

Meninos Não Choram - Boys Don't Cry é um filme norte-americano de 1999, um drama dirigido por Kimberly Peirce e com roteiro baseado na história real de Brandon Teena.
Brandon Teena (12 de dezembro de 1972 —  31 de dezembro de 1993), foi um jovem transexual norte-americano. O sexo atribuído a Brandon ao nascer foi o feminino, mas ele identificava-se, apresentava-se e vivia como um homem. Nascido em Lincoln, Brandon começou a se identificar do sexo masculino na escola. A sua mãe não aceitava sua identidade masculina e continuou se referindo a ele como "filha". Em 1993, depois de alguns problemas legais, Brandon mudou-se para Falls City, onde ele se identificou apenas como um homem. Brandon fez amizade com vários moradores locais. 
Depois de se mudar para a casa de Lisa, ele começou a namorar uma das amigas de Lisa, Lana Tisdel. Ele também fez amizade com dois ex-presidiários John Lotter e Marvin "Tom"Thomas. Tom era casado e tinha dois filhos. Lana e John tinham sido amigos desde a infância e tinham namorado anos antes. Outro homem, Phillip também se tornou amigo dele. Em 15 de dezembro de 1993, Brandon foi preso por esboço de cheques. Lana pagou a sua fiança e viu que ele estava na ala feminina da prisão. Quando foi questionado, Brandon disse que pretendia fazer uma operação para mudança de sexo. Durante uma festa de Natal, Tom e John agarraram Brandon e o obrigaram a remover as calças, mostrando a Lana que Brandon tinha genitais femininos.  
Em seguida, os dois atacaram Brandon, e o obrigaram a entrar em um carro. Eles dirigiram para uma área dentro de uma fábrica de embalagens de carne, o espancaram e o estupraram. Em seguida, voltaram para a casa de Tom. Brandon escapou da casa de Tom escalando a janela e foi até a casa de Lana. Ele estava convencido a denunciá-los à polícia, apesar de Tom e John o terem ameaçado de morte. A polícia não acusou ninguém, devido a uma alegada falta de provas.
Tom e John  partiram para a casa de Lisa Lambert  à procura de Brandon. 
Eles atiraram e mataram Phillip Devine e Brandon.  O seu assassinato foi um dos mais notórios crimes de ódio dos E.U.A na década. Tom testemunhou contra John e foi condenado à prisão perpétua. John Lotter foi condenado a pena de morte e atualmente seu caso se encontra em revisão. Alguns anos mais tarde, Lana  teve uma filha e retornou  à Falls City para criá-la.

O Projeto Laramie - The Laramie Project (2002) Drama em que mostra como a pequena cidade Laramie nos Estados Unidos  reagiu à morte do estudante universitário gay Matthew Shepard em 1998. Escrito e dirigido por Moisés Kaufman. Baseado na peça do mesmo nome.


Enfrentando o Medo - Facing Fear (2013)
Um documentário sobre um ex-skinhead neo-nazi e a vítima gay de seu ataque criminoso de ódio,que numa reunião de 25 anos depois, embarcam em uma viagem de reconciliação.



Pique seus anos
 John Kingsley "Joe" Orton (01/01/1933 - 09/08/1968) dramaturgo considerado um dos mais originais do século XX.

Escritores


The Naked Civil Servant (1975) é um filme biográfico de comédia dramática, dirigido por Jack Gold. Foi adaptado para o cinema por Philip Mackie, baseado no livro de Quentin Crisp de 1968 com o mesmo nome. O título do livro e do filme (funcionário público nu), é derivado de seu tempo trabalhando como modelo nu em uma escola de arte financiada pelo governo.
Um inglês em Nova York é um filme biográfico de 2009 que narra os anos que Quentin Crisp passou na cidade de Nova York, estrelado por John Hurt reprisando seu papel como Crisp em The Naked Civil Servant (1975). O título do filme vem de "Englishman in New York", uma canção sobre Crisp escrita por Sting para o álbum de 1987 ... Nothing Like the Sun.
Quentin Crisp (nascido Denis Charles Pratt; 25 de dezembro de 1908 - 21 de novembro de 1999) foi um escritor, contador de histórias e ator inglês. De um ambiente suburbano convencional, Crisp usava maquiagem e pintava as unhas. Durante sua adolescência, ele trabalhou brevemente como menino de aluguel.  Ele então passou trinta anos como um modelo profissional para classes de vida em faculdades de arte.  As entrevistas que deu sobre sua vida incomum atraíram grande curiosidade e ele logo foi procurado por suas opiniões pessoais sobre as maneiras sociais e o cultivo do estilo. Seu show one-man foi um sucesso de longa data na Grã-Bretanha e na América e ele também apareceu em filmes e na TV.  Crisp desafiou as convenções ao criticar a libertação gay.
Christopher and His Kind (sem título em Português) é um telefilme do Reino Unido de 2011 da BBC. Narra a história do escritor Christopher Isherwood em sua juventude na Alemanha da República de Weimar, no começo da década de 1930. O filme foi adaptado por Kevin Elyot a partir da autobiografia homônima do escritor.
Christopher William Bradshaw-Isherwood (26 de Agosto de 1904 – 4 de Janeiro de 1986), era um Inglês naturazido Americano. Um escritor reconhecido pelas suas obras relacionadas com Berlim, para onde foi atraído na juventude devido à relativa liberdade sexual que se vivia na cidade nos anos pré-guerra. Livros como "Adeus a Berlim - Goodbye to Berlin" , que foram fonte de inspiração para o musical, Cabaret, Adeus Berlim.




Mate os Seus Queridos - Kill Your Darlings é um filme de drama biográfico 2013 americano escrito por Austin Bunn e dirigido por John Krokidas. 

A história é sobre os tempos de faculdade de alguns dos primeiros membros da Geração Beat (Lucien Carr, suas interações, e do assassinato em Riverside Park
David Kammerer Eames ( 02 de setembro, 1911- 14 de agosto, 1944 Manhattan)
A morte de David foi um dos marcos históricos mais terríveis da história da Geração Beat. Ele foi esfaqueado até a morte com uma faca de escoteiro por seu amigo Lucien Carr. Depois de esfaqueá-lo duas vezes, Lucien eliminou o corpo ponderando-o para baixo com pedras e empurrando-o para o rio Hudson. No dia seguinte, ele  jogou a faca em um esgoto e enterrou os óculos de David em Morning side Park. De acordo com Lucien, David tinha feito avanços sexuais indesejados em relação a ele. O relacionamento entre os dois havia começado cinco anos antes, em St. Louis quando David levou um grupo de escoteiros para caminhadas  semanal na natureza. Ele ficou encantado com o jovem escoteiro Lucien. 
Jack Kerouac e Lucien Carr em 1944, Columbia College Campus.
                                                                   Jornalista Lucien Carr em sua mesa
Lucien Carr ( 01 de março de 1925 - 28 de janeiro de 2005), foi acusado de assassinato em segundo grau. Lucien foi condenado a uma pena de um a 20 anos de prisão; ele serviu dois anos  e foi liberado. E depois trabalhou por muitos anos como editor da United Press International.
                                                     Jack-Kerouac e Allen-Ginsberg 
Jack Kerouac nascido Jean-Louis Lebris de Kerouac ( 12 de março de 1922 - 21 de outubro de 1969) foi um romancista e poeta americano.
Jack é reconhecido por seu método de prosa espontânea.Tematicamente, a sua obra abrange temas como a espiritualidade católica, jazz, promiscuidade, Budismo, drogas, pobreza e viagens. Um progenitor do movimento hippie, embora ele permanecesse antagônico em direção a algum dos seus elementos politicamente radicais. 
Ele morreu, aos 47 anos de idade, de hemorragia interna devido ao abuso de álcool. Desde sua morte, o prestígio literário dele tem crescido, e vários trabalhos inéditos foram publicados. Todos os seus livros estão impressos hoje, incluindo  Cidade do México Blues,  O mar é meu irmão.
 William "Lee" Seward Burroughs II ( 05 de fevereiro de 1914 - 2 de agosto de 1997) foi um escritor, contista, ensaísta, pintor, e performer americano. Ele é considerado "um dos artistas mais politicamente incisivos, culturalmente influentes e inovadores do século 20". William escreveu dezoito romances e novelas, seis coletâneas de contos e quatro coletâneas de ensaios. Cinco livros foram publicados de suas entrevistas e correspondências. Ele também colaborou em projetos e gravações com vários artistas e músicos, e fez muitas aparições em filmes.
Ele nasceu em uma família rica em Missouri, neto do inventor e fundador da Burroughs Corporation. Ele começou a escrever ensaios e revistas no início da adolescência. Estudou na Universidade de Harvard, e mais tarde frequentou a escola de medicina em Viena. Depois de ser recusado pelo Escritório de Serviços Estratégicos e da Marinha dos EUA, para servir na II Guerra Mundial, ele se viciou em drogas que o afetaram para o resto de sua vida, enquanto trabalhava em vários empregos. 
Irwin Allen Ginsberg I (03 de junho de 1926 - 5 de abril de 1997) era um poeta americano. Ele se opôs vigorosamente ao militarismo, o materialismo econômico e repressão sexual e incorporou diversos aspectos dessa contracultura, como suas opiniões sobre drogas, hostilidade à burocracia e abertura para as religiões orientais. Ele é mais conhecido por seu poema épico "Uivo ", no qual ele denunciou o que ele via como as forças destrutivas do capitalismo e de conformidade nos Estados Unidos.
Howl  (2010) é um filme experimental americano, que explora tanto a estréia Six Gallery e o julgamento 1957 obscenidade do poema do poeta americano do século 20 Allen. O filme é escrito e dirigido por Rob Epstein e Jeffrey Friedman.

 Em 1956, o poema "Uivo" foi apreendido pela polícia de São Francisco e Alfândega dos EUA.  
Em 1957, o poema atraiu ampla publicidade quando se tornou objecto de um julgamento por obscenidade, por retratar sexo homossexual em um momento em que as leis contra a sodomia homossexual foi feito um crime em todos os estados dos Estados Unidos. "Uivo" refletiu a própria homossexualidade de Allen e seus relacionamentos com um número de homens, incluindo Peter Orlovsky, seu parceiro ao longo da vida.  O juiz Clayton W. Chifre decidiu que "Uivo" não era obsceno, acrescentando: "Haveria alguma liberdade de imprensa ou da fala se deve reduzir seu vocabulário para insípida eufemismos inócuos? " Allen era um budista praticante que estudou disciplinas religiosas orientais extensivamente. Ele viveu modestamente,e a compra de sua roupa eram em lojas de segunda mão.
O Uivo
Para Carl Solomon
Eu vi os expoentes da minha geração, destruídos pela 
loucura, morrendo de fome, histéricos, nus, 
arrastando-se pelas ruas do bairro negro de madrugada
em busca de uma dose violenta de qualquer coisa,
descolados com cabeça de anjo ansiando pelo antigo
contato celestial com o dínamo estrelado da 
maquinaria da noite,
que pobres esfarrapados e olheiras fundas, viajaram 
fumando sentados na sobrenatural escuridão dos
miseráveis apartamentos sem água quente, flutuando
sobre os tetos das cidades contemplando o jazz,
que desnudaram seus cérebros ao céu sob o Elevado
e viram anjos maometanos cambaleando iluminados
nos telhados das casas de cômodos,
que passaram por universidades com olhos frios e 
radiantes alucinando Arkansas e tragédias à luz ....

Antes Que Anoiteça (2000) é um filme dirigido por Julian Schnabel. O roteiro é baseado na autobiografia de mesmo nome de Reinaldo Arenas, que foi publicada em Inglês em 1993 
  Reinaldo Arenas (16/07/1943 - 7/12 /1990) foi um escritor cubano de poesia, novelas e teatro. Ele era assumidamente homossexual e passou grande parte da sua vida combatendo o regime comunista de Fidel Castro. 
Capote é um filme biográfico sobre Truman Capote 2005, na sequência dos acontecimentos durante a escrita do livro de não-ficção de Capote A Sangue Frio. 
Philip Seymour Hoffman ganhou vários prêmios, incluindo o Oscar de Melhor Ator, por sua aclamada interpretação da personagem título.

O filme foi baseado na biografia de Gerald Clarke Capote e foi dirigido por Bennett Miller.
Truman Capote ( 30/09/1924- 25/08/1984) era um autor, roteirista, dramaturgo e ator. Muitos dos seus romances, peças de teatro e os não-ficção são  clássicos literários reconhecidos, incluindo a novela em Tiffany (1958)

 e o verdadeiro romance policial A Sangue Frio (1966), que ele rotulou como um "romance de não-ficção". Pelo menos 20 filmes e dramas de televisão foram produções de seus escritos.


Image result for Bruce Greenwood as Jack DunphyJack Dunphy and Truman Capote by Jared French
John Paul "Jack" Dunphy (22 de agosto de 1914 - 26 de abril de 1992)  era um escritor americano e dramaturgo, conhecido hoje por seu relacionamento de longo prazo com o autor americano Truman Capote.


Eclipse de Uma Paixão  
O  jovem poeta Paul Verlaine (David Thewlis) bebe absinto e negligencia sua dedicada esposa, Mathilde (Romane Bohringer). Arthur Rimbaud (Leonardo DiCaprio), um poeta ainda mais jovem e mais célebre, entra em suas vidas e aliena o casal ainda mais, seduz Paul e zomba de seu estilo de vida burguês, mesmo quando ele se beneficia com isso. Mathilde fica do lado de Paul depois que ele é preso por sodomia, mas ela não pode evitar a descida auto-destrutiva dos poetas.
Jeans Nicolas Arthur Rimbaud (20/10/1854 - 10/11/1891) poeta frances que influenciou a literatura e a arte moderna.
Paul Marie Verlaine (30/03/1844 - 08/01/1896), era um poeta associado com o movimento simbolista. Ele  é considerado um dos maiores representantes do "fin de Siecle" internacionalidade da poesia francesa.
 


Os Julgamentos de Oscar Wilde

Wilde
Oscar Fingal O' Flahertie Will Wilde (16/10/1854 - 30/11/1900) foi um influente escritor, poeta e dramaturgo britânico de origem irlandesa. A sua novela mais famosa foi O Retrato de Dorian Gray.


Rainer Werner  Documentário
Rainer Werner Fassbinder,  foi um ator, dramaturgo, diretor de teatro, cineasta e compositor, editor e ensaísta. Ele é amplamente considerado uma figura proeminente e catalisador do movimento do Novo Cinema Alemão.
Em 31 de maio de 1945, nasceu Rainer Werner Fassbinder na pequena cidade de Bad Wörishofen. Ele nasceu três semanas depois que o Exército dos EUA ocupou a cidade e a rendição incondicional da Alemanha. As consequências da Segunda Guerra Mundial marcaram profundamente sua infância e a vida de sua família. Em conformidade com os desejos de sua mãe, Rainer afirmou mais tarde que ele nasceu em 1946, para mais claramente se estabelecer como uma criança do período pós-guerra; sua verdadeira idade foi revelada pouco antes de sua morte.  Ele era filho único de Liselotte Pempeit (1922-93), uma tradutora, e Helmut Fassbinder, um médico que trabalhava no apartamento do casal em Sendlinger Straße,  perto do distrito da luz vermelha de Munique.  Aos três meses, ficou com um tio e uma tia paternos no campo, pois seus pais temiam que ele não sobrevivesse ao inverno com eles. Ele tinha um ano de idade quando foi devolvido aos pais em Munique.  A mãe de Rainer veio da Cidade Livre de Danzig (agora Gdańsk, Polônia), de onde muitos alemães fugiram após a Segunda Guerra Mundial. Como resultado, vários parentes dela foram morar com eles em Munique.
Os pais de Rainer eram membros cultos da burguesia. Seu pai se concentrou principalmente em sua carreira, que ele viu como um meio de saciar sua paixão por escrever poesia. Sua mãe também o ignorava em grande parte, passando a maior parte do tempo com o marido trabalhando em sua carreira. 
Em 1951, Liselotte Pempeit e Helmut Fassbinder se divorciaram. Helmut mudou-se para Colônia enquanto Liselotte criava seu filho como mãe solteira em Munique.  Para sustentar a si mesma e ao filho, Pempeit aceitou hóspedes e encontrou emprego como tradutora de alemão para inglês. Quando estava trabalhando, costumava mandar o filho ao cinema para passar o tempo. Mais tarde na vida, Fassbinder afirmou que via pelo menos um filme por dia, às vezes até quatro por dia. Durante esse período, Pempeit costumava ficar longe de seu filho por longos períodos enquanto ela se recuperava da tuberculose.  Na ausência de sua mãe, Rainer foi cuidado pelos inquilinos e amigos de sua mãe. Como costumava ficar sozinho, acostumou-se com a independência e, assim, tornou-se um jovem delinquente. Ele entrou em conflito com o amante mais jovem de sua mãe, Siggi, que morava com eles quando Rainer tinha cerca de oito ou nove anos. 
Em 1959, o jornalista Wolff Eder (c.1905-71), se tornou seu padrasto, e eles tiveram um relacionamento difícil. 
No início de sua adolescência, Rainer se revelou homossexual. 
Rainer  foi mandado para um internato. Seu tempo lá foi prejudicado por suas repetidas tentativas de fuga, e ele acabou abandonando a escola antes de qualquer exame final. 
Em 1960, ele se mudou para Colônia com seu pai. Embora discutissem constantemente, Rainer ficou com o pai por alguns anos, enquanto frequentava a escola noturna. Para ganhar dinheiro, ele trabalhou em pequenos empregos; ele também ajudou seu pai, que alugou apartamentos miseráveis ​​para trabalhadores imigrantes. Rainer começou a mergulhar no mundo da cultura, escrevendo poemas, peças curtas e histórias.
Em 1963, aos 18 anos, Rainer voltou a Munique com planos de frequentar a escola noturna com a ideia de estudar teatro. 
Entre 1964 a 1966, seguindo o conselho de sua mãe, teve aulas de atuação e frequentou o estúdio Fridl-Leonhard para atores.  Lá, ele conheceu Hanna Schygulla, que se tornaria uma de suas atrizes mais importantes.  Durante este tempo, ele fez seus primeiros filmes de 8 mm e trabalhou como assistente de direção, homem do som ou em pequenos papéis de atuação Nesse período, também escreveu a peça trágico-cômica: Drops on Hot Stones. Para obter entrada na Escola de Cinema de Berlim, Rainer enviou uma versão cinematográfica de sua peça Parallels. Ele também participou de vários filmes de 8 mm, mas foi recusado.
Ele voltou para Munique, onde continuou a escrever. Também realizou dois curtas-metragens, The City Tramp (Der Stadtstreicher, 1966) e The Little Chaos (Das Kleine Chaos, 1967). Filmados em preto e branco, eles foram financiados pelo amante de Rainer, Christoph Roser, um aspirante a ator, em troca de papéis principais.  Rainer atuou em ambos os filmes, que também apresentavam Irm Hermann. Neste último, sua mãe - sob o nome de Lilo Pempeit - desempenhou o primeiro de muitos papéis nos filmes de seu filho.Em 1969, o eu primeiro longa-metragem foi um filme de gângster chamado Love Is Colder Than Death 
Em 1972,  conseguiu seu primeiro sucesso comercial doméstico com The Merchant of Four Seasons 
Em 1974, o seu primeiro sucesso internacional com Ali: Fear Eats the Soul (1974). 
 Projetos de grande orçamento
Em 1978 Despair.
Em 1981, Lili Marleen e Lola.
Filmes focados em temas gays  e lésbicos.
Em 1972,  The Bitter Tears of Petra von Kant.
Em 1975, Fox and His Friends (1975).
Em 1976, o Satan's Brew
Em 1978, In a Year with 13 Moons.
Em 1979, seu maior sucesso veio com The Marriage of Maria Braun, narrando a ascensão e queda de uma mulher alemã após a Segunda Guerra Mundial.   
Em 1982,  Querelle.
Rainer Fassbinder teve relações sexuais com homens e mulheres
Ele raramente mantinha sua vida profissional e pessoal separada e era conhecido por escalar parentes, amigos e amantes em seus filmes. No início de sua carreira, ele teve um relacionamento duradouro, mas fragmentado, com Irm Hermann, uma ex-secretária que ele forçou a se tornar uma atriz.  Fassbinder normalmente a escalava para papéis nada glamorosos, principalmente como a esposa infiel em O Mercador das Quatro Estações e a assistente silenciosa e abusada em As Lágrimas Amargas de Petra von Kant.
Enfant Terrible é um drama alemão de 2020 dirigido por Oskar Roehler sobre Rainer

Irm Hermann o idolatrava, mas Rainer Fassbinder a atormentou e torturou por mais de uma década.  Isso incluía violência doméstica: "Ele não conseguia conceber que eu o recusasse e tentou de tudo. Quase me espancou até a morte nas ruas de Bochum ..." 
Em 1969, enquanto interpretava o papel principal no filme para TV Baal sob a direção de Volker Schlöndorff, Fassbinder conheceu Günther Kaufmann, um ator bávaro que teve um papel secundário no filme. Apesar de Kaufmann ser casado e ter dois filhos, Rainer Fassbinder se apaixonou perdidamente por ele. Os dois começaram um caso turbulento que acabou afetando a produção de Baal. Fassbinder tentou comprar o amor de Kaufmann, escalando-o para papéis principais em seus filmes e comprando-lhe presentes caros. Kaufmann apreciou a atenção e tornou-se mais exigente. Fassbinder comprou para ele quatro Lamborghinis no período de um ano; Kauffmann destruiu um e vendeu os outros se eles não atendessem às suas expectativas. A relação chegou ao fim quando Kaufmann se envolveu romanticamente com o compositor Peer Raben. Após o fim de seu relacionamento, Fassbinder continuou a escalar Kaufmann em seus filmes, embora em papéis menores. 
Kaufmann apareceu em 14 filmes de Fassbinder, com o papel principal em Whity (1971).
Embora afirmasse ser contra o matrimônio como instituição, em 1970 Fassbinder casou-se com Ingrid Caven, uma atriz que regularmente aparecia em seus filmes. A recepção de casamento deles foi reciclada no filme que ele estava fazendo na época, O Soldado Americano. Seu relacionamento de admiração mútua sobreviveu ao fracasso completo de seu casamento de dois anos. "A nossa era uma história de amor, apesar do casamento", Caven explicou em uma entrevista, acrescentando sobre a sexualidade de seu ex-marido: "Rainer era um homossexual que também precisava de uma mulher. É tão simples e tão complexo." 
As Mulheres de Fassbinder ( Frauen über R. W. Fassbinder 1992) - Documentário para a televisão alemã feito por Thomas Honickel. Margit Carstensen, Irm Hermann, Hanna Schygulla e (brevemente) Rosel Zech são entrevistadas. (60 minutos)
As mulheres mais importantes da vida de Fassbinder, Irm Hermann, Ingrid Caven e Juliane Lorenz, sua última parceira, não foram perturbadas por sua homossexualidade. 
Em 1971, Rainer começou um relacionamento com El Hedi ben Salem, um berbere marroquino que havia deixado sua esposa e cinco filhos no ano anterior, após conhecê-lo em um balneário gay em Paris. [Nos três anos seguintes, Salem apareceu em várias produções de Fassbinder. Seu papel mais conhecido foi como Ali em Ali: Fear Eats the Soul (1974). 
O relacionamento de três anos foi pontuado por ciúme, violência e uso de drogas e álcool pesadas. 
Em 1974, Rainer terminou o relacionamento devido ao alcoolismo crônico de Salem e tendência a se tornar violento quando bebia. Pouco depois da separação, Salem esfaqueou três pessoas (nenhuma fatal) em Berlim e teve que ser contrabandeada para fora de Berlim.  Salem acabou indo para a França, onde foi preso e encarcerado.
Em 1977, Salem se enforcou enquanto estava sob custódia.  Notícias do suicídio de Salem foram ocultadas de Fassbinder por anos. Ele finalmente descobriu sobre a morte de seu ex-amante pouco antes de sua própria morte em 1982 e dedicou seu último filme, Querelle, a Salem. 
O próximo amante de Fassbinder foi Armin Meier. Meier era um ex-açougueiro quase analfabeto que passou seus primeiros anos em um orfanato. Ele também apareceu em vários filmes de Fassbinder neste período. Um vislumbre de seu relacionamento conturbado pode ser visto no episódio de Fassbinder para a Alemanha no outono (1978). Fassbinder terminou o relacionamento em abril de 1978. Durante a semana do aniversário de Fassbinder (31 de maio), Meier deliberadamente consumiu quatro frascos de pílulas para dormir e álcool na cozinha do apartamento que ele e Fassbinder haviam compartilhado anteriormente. Seu corpo foi encontrado uma semana depois. 
Irm e Rainer cena Em 1977, Irm Hermann se envolveu romanticamente com outro homem e ficou grávida dele.  Rainer Fassbinder a pediu em casamento e se ofereceu para adotar a criança; ela recusou. Nos últimos quatro anos de vida de Rainer, sua companheira foi Juliane Lorenz (nascida em 1957), a montadora de seus filmes durante os últimos anos de sua vida. Ela pode ser vista em um pequeno papel como secretária do produtor de cinema em Veronika Voss. De acordo com Lorenz, eles pensaram em se casar, mas nunca o fizeram. Embora tenham sido relatados como se separando em seu último ano,  uma acusação que Lorenz negou, eles ainda viviam juntos no momento de sua morte. 
Room 666  is a 1982 documentary film directed by German film director Wim Wenders. During the 1982 Cannes Film Festival, Wenders set up a static camera in room 666 of the Hotel Martinez and provided selected film directors a list of questions to answer concerning the future of cinema. Each director is given one 16 mm reel (approximately 11 minutes) to answer the questions. The principal question asked was, "Is cinema a language about to get lost, an art about to die?" Wenders then edited this footage and added an introduction. Directors interviewed include Steven Spielberg, Jean-Luc Godard, and Rainer  who died less than a month after filming. 
Em 10 de junho de 1982, aos 37 anos, Rainer morreu de um coquetel letal de cocaína e barbitúricos. Sua carreira durou menos de duas décadas, mas ele foi extremamente prolífico; ele completou mais de 40 longas-metragens, duas séries de televisão, três curtas-metragens, quatro produções de vídeo e 24 peças.
Exército


A Estranha História de Não Pergunte e Não Fale (2011)
Um olhar sobre a proibição de gays e lésbicas, no 
americano; incluindo observações de ativistas, políticos e membros do serviço; e um cronograma do processo contencioso que antecedeu a revogação da (Não Pergunte e Não Fale), que entrou em vigor em 20 de setembro de 2011, que permite que homossexuais sirvam abertamente pela primeira vez. Dirigido por Fenton Bailey e Randy Barbato.

Famílias



O Direito de Amar: Uma Família Americana
Enquanto o debate apaixonado sobre a legitimidade da Igualdade da união nos Estados Unidos se enfurece, a comunidade LGBT continua a lutar por sua fatia do sonho americano.  Um casal californiano e seus dois filhos adotivos lutam contra a discriminação, a ignorância e o ódio através de vídeos caseiros postados em seu canal Youtube chamado "Família e Valores gay". Enquanto perseguem seu sonho americano, as opiniões políticas, sociais e religiosas opostas que permeiam a sociedade tenta tira-lo deles.
A Very British Sex Scandal - Um Escândalo Sexual muito Britânico
Peter Wildeblood escrevia para o Daily, primeiro como correspondente real, depois como correspondente diplomático. Nessa época, Wildeblood começou um caso com um cabo da RAF chamado Edward McNally e escreveu-lhe uma série de cartas de amor apaixonadas. Foram essas cartas que provaram ser uma parte crucial das evidências que levaram à condenação posterior de Wildeblood por conspiração para incitar atos de indecência grosseira.
No verão de 1952, Lorde Montagu de Beaulieu ofereceu a Wildeblood uma cabana de praia perto de sua propriedade rural. Wildeblood trouxe consigo dois jovens militares da RAF: seu amante Edward McNally e John Reynolds. O quarteto juntou-se ao primo de Montagu, Michael Pitt-Rivers. No julgamento subsequente, os dois aviadores deram provas da Rainha e alegaram que houve dança e "comportamento abandonado" na reunião. Wildeblood disse que na verdade tinha sido "extremamente enfadonho". Montagu afirma que foi tudo incrivelmente inocente, dizendo: "Tomamos uns drinks, dançamos, nos beijamos, só isso." Cartas de Wildeblood e Montagu para McNally, um soldado e John Reynolds foram encontradas pela RAF. Eles receberam imunidade, pois concordaram em apresentar evidências contra Montagu, Pitt-Rivers e Wildeblood.
A atmosfera dos anos 1950 em relação à homossexualidade era repressiva; alguns chamaram esse período de caça às bruxas. Na verdade, o julgamento de Montagu seguiu-se a vários outros casos na imprensa, incluindo o dos espiões soviéticos Guy Burgess e Donald Maclean, o parlamentar trabalhista William Feilding, o escritor Rupert Croft-Cooke e o ator John Gielgud. É nesse contexto que cerca de 1.000 homens são presos a cada ano na Grã-Bretanha, em meio à repressão policial generalizada de homossexuais.
Wildeblood foi preso em 9 de janeiro de 1954 e, em março, foi levado aos tribunais britânicos acusado de "conspiração para incitar certos homens a cometer crimes graves com homens" (ou "sodomia"). Wildeblood foi acusado junto com Lord Montagu e Michael Pitt-Rivers, e durante o curso do julgamento ele admitiu sua homossexualidade no tribunal. Montagu recebeu uma sentença de 12 meses, enquanto Wildeblood e Pitt-Rivers foram condenados a 18 meses de prisão como resultado dessas e de outras acusações. O veredicto severo dividiu opiniões e levou a um inquérito que resultou no Relatório Wolfenden, que em 1957 recomendou a descriminalização da homossexualidade no Reino Unido. [2] O testemunho de Wildeblood ao comitê Wolfenden foi influente em suas recomendações. O comitê foi estabelecido durante a sentença de prisão de Peter Wildeblood para investigar a lei sobre homossexualidade e dar conselhos e recomendações para reformas, se necessário. A constituição do comitê foi possível graças ao aumento da atenção pública sobre a homossexualidade gerada por este e outros casos. Peter Wildeblood, portanto, deu uma grande contribuição para a reforma legal, fornecendo evidências e argumentos para o debate na Câmara dos Lordes, onde a lei para descriminalizar a homossexualidade foi aprovada em outubro de 1965. Peter Wildeblood foi a única testemunha abertamente gay a ser entrevistada e seu livro Contra a Lei serviu como um relato apaixonado do caso e da necessidade de reforma. 
Peter Wildeblood (19 de maio de 1923 - 14 de novembro de 1999) foi um jornalista anglo-canadense, romancista, dramaturgo e defensor dos direitos dos homossexuais.
Ele publicou um livro sobre o caso, Contra a Lei, em 1955, um relato que detalhava suas experiências nas mãos da lei e do estabelecimento britânico, trazia à luz as condições terríveis em HM Prison Wormwood Scrubs e encorajava campanhas pela reforma penitenciária e para a reforma da lei sobre homossexualidade. O livro era um livro autobiográfico confessional e um dos primeiros exemplos de um texto de 'revelação' por causa de Peter Wildeblood declarando abertamente 'Eu sou homossexual'. 
Ele escreveu um segundo livro sobre o assunto da homossexualidade no ano seguinte,

Famosos


Vida E Amores de Cole Porter - De-Lovely (2004)
Na encenação de uma produção musical baseada em sua história de vida, o compositor Cole Porter (Kevin Kline) começa a refletir sobre sua vida e carreira. Ele relembra sua ascensão meteórica na Broadway durante os meados de 1920 e seu primeiro encontro com a esposa e musa Linda Thomas (Ashley Judd). Ele também relembra suas muitas relações extraconjugal, flertes homossexuais, e a profunda depressão e isolamento em seus anos finais.
Cole Albert Porter (9 de junho de 1891 - 15 de outubro de 1964) foi um compositor nascido em uma família rica, ele desafiou os desejos de seu avô dominador e tomou a música como profissão. Classicamente treinado, ele foi atraído para o teatro musical. Depois de um início lento, ele começou a alcançar o sucesso na década de 1920, e na década de 1930, ele foi um dos principais compositores para o palco musical da Broadway. 
                                                       Retrato de Cole Potter criança
Depois de um grave acidente de equitação em 1937, Cole ficou inabilitado e em constante dor, mas ele continuou a trabalhar. Os seus shows do início dos anos 1940 não continha os hits duradouros de seu melhor trabalho da década de 1920 e 30s, mas em 1948 ele fez um retorno triunfal com seu maior sucesso musical, Beije-me, Kate. Ele ganhou o primeiro prêmio Tony de Melhor Musical.

Atrás do Candelabro é um filme  americano de 2013 dirigido por Steven Soderbergh. Ele dramatiza os últimos dez anos na vida do pianista Liberace e o relacionamento que ele teve com seu empregado Scott Thorson. O filme é baseado no livro de memórias de 1988 de Scott " Atrás do Candelabro: Minha vida com Liberace"

Valentino Liberace Władziu  (16 de maio de 1919 - 04 de fevereiro de 1987),  foi um pianista e artista americano.
Uma criança prodígio e o primeiro filho  de imigrantes da classe trabalhadora, a carreira de Liberace durou quatro décadas de concertos, gravações, televisão e filmes. No auge de sua fama a partir dos anos 1950 aos anos 1970,
Liberace foi o artista mais bem pago do mundo,  com residências estabelecidas em Las Vegas, e uma agenda de shows internacionais.
Liberace abraçou um estilo de vida de excesso de flamboyant ( uma pessoa ou seu comportamento, que tende a atrair a atenção por causa de sua exuberância, confiança e elegância), dentro e fora do palco, adquirindo a alcunha de "Sr. Carisma". Liberace foi reconhecido durante a sua carreira com dois Emmy Awards, seis discos de ouro e duas estrelas no Hollywood Walk of Fame.
                                   Michael Douglas como Liberace e Matt Damon como Scott Thorson
Ao longo de sua carreira, Liberace negou publicamente a sua orientação homossexual e com sucesso processou tanto O jornal Daily Mirror e a revista Confidencial, que relatou alguns de seus relacionamentos gays.
Perto do fim de sua vida, seu ex-motorista e amante, Scott Thorson, sem sucesso, processou por palimony (compensação feita por um membro de um casal de namorados para o outro após a separação) , calúnia e conversão de propriedade.
Liberace também lançou um livro sobre sua vida, e realizou 21 shows esgotados no Radio City Music Hall.
A morte de Liberace permanece controversa porque não tinha havido rumores antes de sua morte que ele havia contraído o HIV, que a sua gestão, publicista, amigos e até mesmo o próprio Liberace tinha negado veementemente.
O legista Riverside County ordenou uma autópsia oficial e determinou que Liberace tinha morrido de uma doença relacionada com a SIDA, fazendo dele a segunda maior celebridade depois de Rock Hudson a sucumbir oficialmente à doença durante os primeiros dias de frenesi da mídia em torno da doença.
A sua fortuna valia mais de 110 milhões dólares no momento da sua morte, Liberace legou a maior parte de sua propriedade para sua fundação bolsa de estudos, mas o seu museu oficial fechou suas portas em 2010, devido a uma recessão econômica.
Em novembro de 2013, algumas dezenas de seus trajes famosos e carros foram na exposição por um período de seis semanas no cosmopolitano Las Vegas em uma exposição intitulada " Muita coisa de uma coisa boa é maravilhoso", lema não oficial de Liberace, e frequentemente - utilizado por ele.
Scott Thorson mais tarde Jess Marlow (23 de janeiro de 1959) tornou-se famoso por sua relação  e ação  contra  Liberace  e o seu testemunho contra o gangster Eddie Nash.

Fotógrafos

Mapplethorpe: Olhe Para as Fotos - Mapplethorpe: Look at the pictures
Este documentário apresenta perfis  icônicos e controversos do fotógrafo Robert através de entrevistas com sua família e amantes, exames de seu trabalho e filmagens redescobertas do falecido artista.
Robert Mapplethorpe ( 4 de novembro de 1946 —  9 de março de 1989) foi um fotógrafo norte-americano que se define por grande rigor em todos os aspectos da sua obra, criativos ou técnicos.
Conhecido como o documentarista da cena sadomasoquista gay, ele percorreu um longo caminho entre sua infância no Queens, em Nova Iorque, até o submundo GLS mais radical.
 A sua arte teve vários caminhos. Mas foi na fotografia que este homem dúbio e incansável se afirmou. Frequentador de bares leather, era capaz de circular também na alta roda social. Expoente da pop arte, retratou em suas fotos seus contemporâneos, como Andy Warhol, David Hockney e Patti Smith, com quem teve uma relação conturbada.
Ele teve um caso de amor com Sam Wagstaff, que apoiou sua carreira, inclusive financeiramente. Em suas saídas, sempre voltava para casa com alguém e, caso este também não o satisfizesse, ele voltava aos bares e começava tudo de novo.
Era louco em suas aventuras sexuais e tinha manias: usar caveira como símbolo, dormir em uma gaiola gigante, com lençóis pretos na cama.
 Tudo isso adquiriu um aspecto trágico ao descobrir que tinha AIDS. E todas as suas vivências se refletiram de forma inequívoca em sua arte, em uma tal extensão que muitos de seus trabalhos são até hoje impedidos de ser exibidos.


O seu auge como artista ocorreu na década de 1980: de uma hora para outra, era citado em todos os lugares. Seus clientes incluíam famosos de Hollywood e membros da nobreza europeia.



Retrato de Jason (1967) Um perfil do artista Jason Holliday. Quem expõe sobre o que é ser gay na década de 1960 nos Estados Unidos.
 Produzido e editado por Shirley Clarke e estrelado por Jason Holliday nascido Aaron Payne (1924-1998)


Lésbicas 

https://www.happyfamilyinlove.com/2016/10/a-historia-de-famosas-lesbicas-revelada.html





Políticos

Queda Na Graça (2013) é um filme documentário produzido, filmado, dirigido por Alexandra Pelosi. O filme aborda a carreira do ex-governador de Nova Jersey Edward James "Jim" McGreevey (nascido em 06 de agosto de 1957) é um seminarista americano, político e membro do Partido Democrata do estado de Nova Jersey. 
Ele serviu na Assembléia Geral Nova Jersey 1990-1992, como o prefeito de Woodbridge Township 1991-2002 e no Senado de Nova Jersey de 1994 a 1998. 
Ele era o candidato democrata para governador de Nova Jersey, em 1997, mas foi derrotado pelo candidato  republicano. 
Ele concorreu de novo em 2001 e foi eleito por uma larga margem. 
Em 12 de agosto de 2004,  ele anunciou que era gay e iria renunciar ao cargo de governador, a partir de 15 de novembro de 2004. Isso fez com que Jim fosse o primeiro governador declaradamente gay na história dos Estados Unidos. Depois de sua "queda da graça" que levou à sua demissão do cargo político na sequência de um caso extraconjugal, a sua admissão de que ele era homossexual, e uma batalha de divórcio amargo. Nos anos após a sua demissão, Jim prosseguiu, uma chamada para se tornar um padre episcopal obteve um Mestrado em Divindade no Seminário Teológico Geral de Nova York City. Nos últimos anos, Jim aconselhou presos que buscam reabilitação em instalações correcionais em Nova Jersey e uma maior área da cidade de Nova York.


A Voz da Igualdade é um filme de 2008 baseado na vida do ativista gay e político Harvey Milk.


O Tempo de  Harvey Milk - The Harvey Milk Time documentário Operando a partir de sua loja de câmeras no distrito de Castro, em São Francisco, carismático Harvey Milk é derrotado três vezes antes de ser eleito para o Conselho de Supervisores da cidade, tornando-o primeiro funcionário público abertamente gay da Califórnia. No trabalho ele encontra companheiro supervisor Dan White, um ex-bombeiro homofóbico com quem Milk desenvolve uma relação de trabalho com problemas. Dan cresce cada vez mais descontente, se demite do cargo e, posteriormente, assassina tanto Milk e o prefeito.

Harvey Bernard Milk (22 de maio de 1930 - 27 de novembro de 1978) era um político americano que se tornou a primeira pessoa abertamente gay a ser eleito para um cargo público na Califórnia, quando ele ganhou um assento no Conselho de Supervisores de São Francisco. Política e ativismo gay não eram os seus primeiros interesses; ele não estava aberto sobre a sua homossexualidade e não participar em assuntos cívicos até por volta dos 40 anos, após suas experiências na contracultura dos anos 1960.
Ele serviu quase 11 meses no cargo e foi responsável por passar uma lei rigorosa dos  direitos dos homossexuais para a cidade. 


Comparado com o que? A viagem improvável de Barney Frank - Compared to what? The improbable journey of Barney Frank
Perfil do congressista democrata Barnett "Barney" Frank (nascido em 31 de março de 1940), que reflete sobre sua jornada como um pioneiro, político abertamente gay, durante o seu ultimo mandato. Cônjuge; Jim Ready (m. 2012). Universidade de Harvard (A.B., J.D.)



Mudança de Sexo
Comumente, os homens e as mulheres transexuais optam por transição para o gênero oposto através de intervenção médica (terapia de reposição hormonal e cirurgia de redesignação sexual (CRS).

Trinidad é um documentário americano por Jay Hodges e PJ Raval. Sobre o Dr. Stanley Biber que começou a conduzir a clinica de mudança de sexo em Trinidad, Colorado, em 1969, e Dr. Marci Bowers, uma ex-paciente dele que, assumiu sua prática após a sua morte. O filme concentra-se em Marci e dois de seus pacientes em diferentes fases da sua transição de masculino para feminino.
Stanley H. Biber (04 de maio de 1923 - 16 de janeiro de 2006) foi um médico americano pioneiro na cirurgia de redesignação sexual, realizando milhares de procedimentos durante a sua longa carreira. Ele nasceu em uma família judia, em  Iowa,  o único filho de um pai que era dono de uma loja de móveis e uma mãe interessada em causas sociais. Depois de desistir de planos de se tornar um pianista e rabino, ele serviu como um funcionário civil com o Escritório de Serviços Estratégicos durante a Segunda Guerra Mundial, estacionados no Alasca e no Território do Noroeste. Após a guerra, ele voltou para Iowa e se matriculou na escola, com planos de se tornar um psiquiatra.
Marci Lee Bowers ( 18 de janeiro de 1958) é uma ginecologista americana que operava uma clinica cirúrgica em Trinidad, Colorado. Ela moveu a prática de São Mateo, Califórnia, em dezembro de 2010. Marci é vista como uma inovadora no campo da cirurgia de redesignação sexual, bem como uma pioneira, sendo a primeira trans mulher a  realizar a cirurgia. Marci tem sido referido como o "rock Star" da cirurgia transexual.

 Religião

Seqüestrado por Cristo - Kidnapped for Christ (2014) Um olhar sobre uma escola (reformatório )  baseada na fé cristã localizada na Republica Dominicana, que visa a "cura"da homossexualidade de adolescentes e transformá-los em comprometidos cristãos.


 
Orações Para Bobby - Prayers for Bobby (2009) é um filme baseado no livro, Orações para Bobby: 
Como uma mãe lida com o suicídio de seu filho gay, por Leroy F. Aarons, baseado na história verdadeira da vida e legado de Bobby Griffith, um jovem gay que se matou em 1983 devido a homofobia de sua mãe e da comunidade.

 Cristão devota Mary Griffith (Sigourney Weaver) luta para "curar" seu filho gay, Bobby (Ryan Kelley). Embora ele tenta agradar sua mãe, Bobby não pode mudar seu estilo de vida, e sua depressão leva ao suicídio.
Maria questiona sua fé e pesquisa para o conforto, mas depois que a igreja não é capaz de ajudá-la a lidar com a morte de Bobby, ela procura entender suas opiniões sobre a homossexualidade para si mesma. Eventualmente, Maria torna-se uma defensora dos direitos gays.


A Proposta Mórmon é um documentário americano que examina A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (Igreja SUD) e seu apoio à Proposição 8 de Califórnia, afirmando que a igreja tem se envolvido ativamente na negação dos direitos humanos LGBT. O filme foi  dirigido por Reed Cowan e Steven Greenstreet, e narrado por Dustin Lance Black.




 
Sexologia

Kinsey (2004) provocativa e inteligente biografia do pioneiro pesquisador sexual e sua livre pensadora esposa.
Alfred Charles Kinsey ( 23 de junho de 1894 - 25 de agosto de 1956) foi um biólogo norte-americano, professor de entomologia e zoologia, e sexólogo, que em 1947 fundou o Instituto de Pesquisas sobre a Sexualidade na Universidade de Indiana,  agora conhecido como o "Instituto Kinsey para Pesquisa em Sexo, Gênero e Reprodução". Ele  escreveu sobre o Comportamento Sexual do Homem Humano (1948) e Comportamento Sexual na Fêmea Humana (1953), também conhecido como o Relatórios Kinsey, bem como a escala Kinsey. A sua pesquisa  provocou controvérsia na década de 1940 e 1950 e influenciou os valores sociais e culturais nos Estados Unidos, e internacionalmente.

Suicidio 

O Jogo da Imitação - The Imitation Game (2014) é um filme de suspense histórico. O filme é uma cinebiografia de Alan Turing, vagamente baseado no livro: "Alan Turing: The Enigma" de Andrew Hodges. Alan liderou um grupo da inteligência britânica na missão de decifrar os códigos da máquina Enigma usada pela Alemanha Nazista durante a Segunda Guerra Mundial, sendo um inovador da ciência da computação. Isso ajudou a salvar milhões de vidas, mas depois ele foi condenado por sua homossexualidade. O filme recebeu indicações para muitos prêmios, vencendo o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado. Porém a adaptação foi criticada por excesso de licenças históricas.
Alan Mathison Turing (23 de junho de 1912 — 7 de junho de 1954) foi um matemático, lógico, criptoanalista e cientista da computação britânico. Ele foi influente no desenvolvimento da ciência da computação e na formalização do conceito de algoritmo e computação com a máquina de Turing, desempenhando um papel importante na criação do computador moderno.Ele também é pioneiro na inteligência artificial e na ciência da computação.
            Quebrando o Código - Breaking the Code  (1996) o filme é adaptado uma peça de Hugh Whitemore sobre Alan. Dirigido por Herbert Wise com Derek Jacobi reprisando seu papel no palco como Alan.
Durante a Segunda Guerra Mundial, Alan trabalhou para a inteligência britânica em Bletchley Park, num centro especializado em quebra de códigos. Por um tempo ele foi chefe do Hut 8, a seção responsável pela criptoanálise da frota naval alemã. Planejou uma série de técnicas para quebrar os códigos alemães, incluindo o método da bomba eletromecânica, uma máquina eletromecânica que poderia encontrar definições para a máquina Enigma.
Após a guerra, trabalhou no Laboratório Nacional de Física do Reino Unido, onde criou um dos primeiros projetos para um computador com um programa armazenado, o ACE. Posteriormente, Alan se interessou pela química. Escreveu um artigo sobre a base química da morfogênese e previu reações químicas oscilantes como a Reação de Belousov-Zhabotinsky, que foram observadas pela primeira vez na década de 1960.
A homossexualidade de Alan resultou em um processo criminal em 1952, pois atos homossexuais eram ilegais no Reino Unido na época, e ele aceitou o tratamento com hormônios femininos e castração química, como alternativa à prisão. Morreu em 1954, algumas semanas antes de seu aniversário de 42 anos, devido a um autoadministrado envenenamento por cianeto, apesar de sua mãe (e alguns outros) terem considerado sua morte acidental. 
Em 10 de setembro de 2009, após uma campanha de internet, o primeiro-ministro britânico Gordon Brown fez um pedido oficial de desculpas público, em nome do governo britânico, devido à maneira pela qual Turing foi tratado após a guerra. 
Em 24 de dezembro de 2013, Alan Turing recebeu o perdão real da rainha Elizabeth II, da condenação por homossexualidade.

Anderson Herzer 
Vera é um filme brasileiro dirigido e escrito em 1987 por Sérgio Toledo. A trilha sonora, premiada, é de Arrigo Barnabé, Roberto Ferraz e Tércio da Motta. Conta a história de Anderson Herzer nascida Sandra Mara Herzer ( 1962 —  1982), foi um escritor e poeta transexual brasileiro. Ex-interno da FEBEM, que teve a vida e versos publicados no livro "A queda para o alto". Anderson tinha ainda quatro anos quando seu pai foi assassinado. Sua mãe, prostituída, não lhe serviu de referência positiva, deixando-o também órfão ainda na primeira infância. Em conflito com sua identidade de gênero, primeiramente se revelaria homossexual, mas depois se afirmaria como transexual. Logo cedo, segundo indicações de registros escolares, envolveu-se em brigas na escola e também passou a consumir álcool. Subseqüentemente, viciou-se em drogas recreativas, o que o fez ir para FEBEM – onde adotou o nome social de masculino "Anderson Bigode Herzer", aos 14 anos. Lá ficou como interno até os 17, quando o deputado estadual Eduardo Suplicy sensibilizado com seus poemas e sua história, atuando co
mo seu protegê, lhe deu uma oportunidade de trabalho em seu gabinete e uma vida livre, fora dos muros da instituição. Entretanto, ainda sofrendo profundos traumas, apesar do auxílio recebido, Anderson se suicidou, atirando-se do Viaduto 23 de Maio, localizado no centro da cidade de São Paulo, vindo a óbito em conseqüência de ferimentos graves, mesmo após ter recebido os primeiros socorros ainda em vida.

Deuses e Monstros é um filme estadunidense, dirigido e escrito por Bill Condon. O filme ganhou o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado. Um poderoso diretor de Hollywood aposentado e com  problemas de saúde e sua governanta robusta, Hanna que  calmamente desaprova os amantes gays jovens, mas quando o diretor se interessa por o novo jardineiro Clayton Boone, um ex-veterano da Marinha e da Guerra da Coreia, parece ser algo mais do que sua conquista ocasional habitual.
James Whale (22 de julho, 1889-29 de maio de 1957) foi um cineasta radicado Britânico nos Estados Unidos da América, Melhor conhecido por seu trabalho em filmes de horror Bastante populares, principalmente Frankenstein (1931), A noiva de Frankenstein (1935 ) e O Homem Invisível (1933).
James Whale viveu como um homem abertamente homossexual em toda a sua carreira no teatro britânico e em Hollywood, algo que era praticamente desconhecido na década de 1920 e 1930. Ele e David Lewis viviam juntos como um casal de cerca de 1930 a 1952.  Como o conhecimento de sua orientação sexual tornou-se mais comum, alguns de seus filmes, Noiva de Frankenstein em particular, têm sido interpretadas como tendo um subtexto gay e que tem sido afirmado que a sua recusa em permanecer no armário levou ao fim da sua carreira . No entanto, seus associados rejeitaram as noções de que sua sexualidade  lhe custou a  sua carreira como diretor de cinema que em 1941 tinha acabado. Ele continuou a dirigir para o palco e também redescobriu seu amor pela pintura e viagens. Seus investimentos o fêz rico e vivia uma aposentadoria confortável até sofrer derrames em 1956 que lhe roubou o seu vigor e deixou-o na dor. Ele cometeu suicídio em 29 de Maio 1957, afogando-se em sua piscina. e deixou uma nota
"Para todos que amo, Não se aflija por mim. Meus nervos estão todos acabados desde o ano passado, estive em agonia dia e noite, exceto quando eu dormia com as pílulas para dormir e somente  eu tenho paz por dia, quando estou drogada por comprimidos.
"Eu tive uma vida maravilhosa, mas os meus nervos pioraram e eu tenho medo que eles vão ter que me levar embora. Então, por favor, perdoe-me, todos aqueles que eu amo e que Deus me perdoe também, mas eu não posso suportar a agonia e [é] o melhor para todos desta forma.
"O futuro é apenas velhice, doença e dor. Adeus e obrigado por todo o seu amor. Eu devo ter paz e esta é a única maneira." "Jimmy"
Outros famosos que foram interpretados no filme:
Glenn Colin Clive-Greig, ( 20 de janeiro de 1900 - 25 de junho de 1937) foi um ator Francês . Colin Clive era filho de um coronel inglês. Chegou a tentar uma Carreira militar, mas uma queda de cavalo interrompeu os seus planos, logo optou pelo teatro, participando da primeira montagem de Show Boat, em 1928. Tornou-se amigo do cineasta James Whale, que levou-o pará Hollywood em 1930 para filmar o fim da jornada. No ano seguinte, viveu seu personagem mais famoso, o Dr. Henry Frankenstein. Alcoólatra e de temperamento difícil, estrelou menos de vinte filmes, muitos deles melodramas de menor importância. Ele foi casado com a atriz Jeanne De Casalis, de 1929 Até a sua morte em 1937 vitima de tuberculose. Na Época houve especulações de que a atriz  era lésbica e bissexual, por isso haviam se casado por Conveniência.
Elsa Lanchester (28 de outubro de 1902 -26 de dezembro de 1986) foi uma atriz inglesa.
Boris Karloff, nome artístico de William Henry Pratt (  23 de novembro de 1887 -  2 de fevereiro de 1969) foi um ator Britânico que atuava principalmente em filmes de terror. Projetou-se interpretando o monstro de Frankenstein em 1931.
Margarida, Condessa de Snowdon (21 de agosto de 1930-9 de fevereiro de 2002) foi a irmã mais nova da Rainha Isabel II.
Transformistas


Eu Sou Divina- I'm Divine (2013) O retrato da Drag Queen Divine. Produzido e dirigido por Jeffrey Schwarz.
Harris Glenn Milstead,  mais conhecido como Divine ( 19 de outubro de 1945 –  7 de março de 1988) foi um ator, performer e cantor norte-americano.
Nascida em Maryland em uma família de classe média, ela abraçou a contracultura dos anos 60 e se envolveu com o cineasta John Waters atuando nos seus filmes. Na década de 1970, mudou-se para o teatro. Continuando o trabalho cinematográfico. Em 1981 Divine embarcou em uma carreira de discoteca e produziu faixas Hi-NRG, e passou a atingir o sucesso gráfico mundial com hits como "You Think You're A Man", "I'm So Beautiful" e "Walk Like a Man".
Morte
Divine morreu em Los Angeles, Califórnia, de cardiomegalia. Desde sua morte, Divine manteve-se uma figura de culto, especialmente dentro da comunidade LGBT, e forneceu a inspiração para personagens de ficção, obras de arte e músicas. Vários livros e documentários dedicados a sua vida também foram produzidos.
Lixo Divina - Divine Trash é um filme de 1998 documentário dirigido por Steve Yeager sobre a vida e obra de John Waters.
John Samuel Waters, Jr. ( 22 de abril de 1946) é um cineasta, ator, escritor, jornalista, artista visual e colecionador de arte estadunidense, que obteve destaque no início da década de 1970 por seus filmes
cinematográficos  transgressivos. Os filmes de John são estrelados por sua trupe regular de colaboradores, conhecida como Dreamlanders.
Em 1977,  a partir de Desperate Living, John começou a trabalhar com criminosos condenados (como Liz Renay e Patty Hearst) e pessoas sem boa reputação no meio artístico (como a atriz pornô Traci Lords).
Em 1988, ele começou a obter êxito comercial com Hairspray,  que rendeu oito milhões de dólares nas bilheterias dos Estados Unidos e deu início à carreira de Ricki Lake.
 Após o sucesso os seus filmes começaram a ser estrelados por atores mais familiares do grande público, como Johnny Depp e Melanie Griffith.
Apesar de ter apartamentos em Nova Iorque e São Francisco, além de um casa de verão em Provincetown, Waters ainda reside em sua cidade natal de Baltimore, onde se desenrola a história de todos os seus filmes.

O Mundo Imundo de John Waters - The Filthy World of John Waters (2006) Este  filme é um documentário de John, sobre as origens do seu gênero lixo e sua carreira de sucesso em Hollywood. 




Madame Satã
João Francisco dos Santos (25/02/1900 - 11/04/1976), mais conhecido como Madame Satã, foi um transformista brasileiro, visto como personagem emblemático da vida noturna e marginal carioca na primeira metade do século passado. 

Paris  é  Ardente - Paris is Burning (1990) é um documentário americano, dirigido por Jennie Livingston. Filmado na década de 1980, ele narra a cultura de Nova York e os latinos gays e comunidades afro-americanas transexuais envolvidas. Alguns críticos consideram que o filme seja um documentário de valor inestimável do fim da "Idade de Ouro" de Nova York, bailes de travestis, e uma exploração cuidadosa de raça, classe, gênero e sexualidade na América.

Vestimenta

Adequado - Suited (2016) Um olhar sobre uma empresa alfaiataria no Brooklyn que fornece vestuário personalizado para clientes LGBT apresenta perfis dos proprietários e da comunidade diversificada que servem. Diretor Jason Benjamin.



Vigaristas
Eu Te Amo Phillips Morris é um filme de 2009  adaptado de Eu te amo Phillip Morris: Uma verdadeira história de vida, amor, e fugas de prisão por Steve McVicker.
O filme é  baseado na história da vida real de vigarista, impostor, e múltiplo fugitivo da prisão Steven Jay Russell ( 14 de setembro de 1957). Enquanto encarcerado, Steven se apaixona por seu colega de cela, Phillip. Depois que Phillips é libertado da prisão, Steven escapa da prisão quatro vezes a fim de se reunir com Phillips.
           Em cima os autores Jim Carrey e Ewan Mc Gregor em baixo Steven Jay Russel e Phillips Morris

O ator brasileiro Rodrigo Santoro teve uma pequena participação como o personagem Jimmy Kemple o primeiro amante de Steven Russell (Jim Carrey).
Os seus crimes foram destaque no programa de TV "Quase Que Eu Consegui Escapar" no episódio "Tem Um Namorado Para Suportar"


 Um outro documentário sobre seus crimes foi ao ar no programa de  TV em 2005 On The Run no episódio "Reis da falsificação" .







No comments:

Post a Comment