Google+ Badge

Saturday, March 10, 2018

Os Maiores Escritores da Historia - Parte I

1- Alex Haley - Alexander Murray Palmer Haley (11 de agosto de 1921 - 10 de fevereiro de 1992), foi um escritor estadunidense. A sua obra mais conhecida é Negras Raízes. O romance foi adaptado duas vezes para a televisão. Suas obras se baseiam principalmente nas histórias de sua própria família, dando uma interpretação da viagem de um Africano kunta Kinte para a América durante o período da escravidão.
Mas o livro que me influenciou muito foi autobiografia do Malcolm X, escrito por ele e  Malcolm X.

 Malcolm X , originalmente registrado Malcolm Little,  Al Hajj Malik Al-Shabazz,  (19 de maio de 1925 — 21 de fevereiro de 1965), foi um dos maiores defensores do Nacionalismo Negro nos Estados Unidos. Fundou a Organização para a Unidade Afro-Americana, de inspiração separatista. Em 1998, Paul Gray, da influente revista Time, colocou a Autobiografia de Malcolm X entre os 10 livros de não ficção mais importantes do século XX.

https://youtu.be/7vb9Vg_WGi0
2- August Wilson, pseudônimo de Frederick August Kittel ( 27 de abril de 1945 - 2 de outubro de 2005) foi um dramaturgo estadunidense cujo trabalho incluiu uma série de dez peças de teatro, The Pittsburgh Cycle, pelo qual recebeu dois prêmios Pulitzer de Teatro. Cada um é definido em uma década diferente, representando os aspectos cômicos e trágicos da experiência dos Americanos, no século XX.



3- Alexandre Dumas Pai (24 de julho de 1802 —  5 de dezembro de 1870) foi um romancista frances. Era neto do marquês Alexandre e da escrava Marie-Césette Dumas. O seu pai foi Thomas Alexandre era mais conhecido como General Dumas. 

https://youtu.be/M83iqHBWljo
Alexandre Dumas: A morte de Porthos - Alexandre Dumas: starsi  Smrt Porthose (1970)
Em 1829 foi produzida sua primeira peça, Henrique III e sua Corte, alcançando sucesso de público. No ano seguinte, sua segunda peça, Christine, também obteve popularidade. Como resultado, tornou-se financeiramente capaz de trabalhar como escritor em tempo integral. 
Em 1830, participou da revolução que depôs o rei Carlos X de França e substituiu-o no trono pelo seu ex-patrão,  Luís Filipe de França, alcunhado de Rei Cidadão.
Após escrever mais algumas peças de sucesso, passou a se dedicar aos romances. 
Em 1838 simplesmente reescreveu uma de suas peças para criar sua primeira série em romance. Intitulada "O Capitão Paulo"  e criou um estúdio de produção que lançou centenas de histórias, todas sujeitas à sua apreciação pessoal.
Em 1840, casou-se com a atriz, Ida Ferrier, mas continuou a manter seus casos com outras mulheres, sendo pai de pelo menos três filhos fora do casamento. Um desses filhos, que recebeu o seu nome, seguiria seus passos na carreira de novelista e escritor de peças teatrais. Por causa do mesmo nome e da mesma profissão, para distinguir um do outro, um é chamado Alexandre Dumas pai e o outro Alexandre Dumas, filho .

 
Dumas - L'Autre Dumas (2010) é um filme Francês dirigido por Safy Nebbou. Em  1848. Alexandre Dumas  está no auge de sua fama, quando ele se retira durante alguns dias no imenso Château de Monte-Cristo, que ele está construindo. Lá, ele trabalha com seu colaborador, Auguste.
4- Alexandre Dumas filho  (27 de Julho de 1824 - 27 de Novembro de 1895) , escritor do livro: A Dama das Camélias.

 5- Alice Walker ( 9 de fevereiro de 1944) é uma escritora estado-unidense e ativista feminista.
Filha de agricultores, ela perdeu a visão de um dos olhos aos 8 anos de idade, num acidente. Alice Walker iniciou sua carreira de escritora com Once, um volume de poesias, e alcançou fama mundial com o romance A Cor Púrpura, que  foi premiado com o Prêmio Pulitzer de Ficção, e deu origem a um filme dirigido por Steven Spielberg, com a atriz Whoopi Goldberg no papel principal. Na obra, a personagem escreve cartas a Deus e à irmã desaparecida. Alice Walker mostra representações de uma mulher sulista quase analfabeta, que vive em uma realidade dura de pobreza, opressão e desamor. A autora escreveu também o livro: De amor de desespero. O livro é uma coletânea de vários contos, nos quais conhecemos mulheres diferentes com seus temores, desafios e sonhos. Alice sempre foi uma ativista, destacando-se na luta contra o apartheid e contra a mutilação genital feminina em países africanos.
Em 1984, ela fundou sua própria editora, a Wild Trees Press. 

 Alice Walker: Beauty in Truth (2013) Direção: Pratibha Parmar
Alice Walker fez história como a primeira mulher negra a ganhar o Prêmio Pulitzer de ficção.
 Oitava filha de meeiros, sua vida cedo se desenrolou no meio do violento racismo e da pobreza durante alguns dos anos mais turbulentos de profundas mudanças sociais e políticoa da história norte-americana. O filme apresenta magistralmente história revolucionária de Alice Walker como parte integrante da história americana. 
A impressão final deixada pelo filme eloquente é de uma vida corajosa cheia de riscos, mas cheia de alegria também.


6- Agostinho Neto - António Agostinho Neto (17 de setembro de 1922 —10 de setembro de 1979) foi um médico. Presidente do Movimento Popular de Libertação de Angola e em 1975 tornou-se no primeiro Presidente de Angola até 1979. Em 1975-1976 foi-lhe atribuído o Prêmio Lenine da Paz.
Poesia 
1957 - Quatro Poemas de Agostinho Neto, Póvoa do Varzim, e.a.
1961 - Poemas, Lisboa, Casa dos Estudantes do Império
1974 - Sagrada Esperança, Lisboa, Sá da Costa (inclui poemas dos dois primeiros livros)
1982 - A Renúncia Impossível, Luanda, INALD
Política
1974 - Quem é o inimigo… qual é o nosso objectivo?
1976 - Destruir o velho para construir o novo
1980 - Ainda o meu sonho
Caminho do mato.
Eu ainda não li o ultimo livro do Barack, mais ja esta na minha lista, eu tenho uma pilha de livros maravilhosos ao lado da minha esperando na linha do tempo por meu tempo para ler.

7- Barack Hussein Obama II nasceu em 4 de agosto de 1961 é um advogado  que atuou como 44º presidente dos Estados Unidos de 2009 a 2017. Ele já havia atuado no Senado dos EUA representan
Illinois de 2005 a 2008 e no Senado do Estado de Illinois de 1997 a 2004.
O primeiro livro de memórias de Barack Obama,"Dreams from My Father"- Sonhos do Meu Pai  é o segundo da lista dos Livros de não-ficção "All-TIME 100. Depois ele escreveu The Audacity of Hope: Thoughts on Reclaiming the American Dream (A Audácia da Esperança: Reflexões sobre a Reconquista do Sonho Americano)
"Of Thee I Sing: A Letter to My Daughters"  homenageia 13 grandes figuras da história dos Estados Unidos, As histórias de treze americanos são contadas no livro: George Washington, Abraham Lincoln, Martin Luther King, Neil Armstrong, Sitting Bull, Cesar Chavez, Billie Holiday, Maya Lin, Albert Einstein (que nasceu na Alemanha), Georgia O'Keeffe Jackie Robinson, Helen Keller e Jane Addams.


8- Carolina Maria de Jesus (14 de março de 1914 —13 de fevereiro de 1977), foi uma escritora brasileira.
http://www.happyfamilyinlove.com/2015/06/minha-mestre-carolina-de-jesus.html

9- Claude Brown (23 de fevereiro de 1937 - 2 de fevereiro de 2002) é o autor de Manchild na Terra Prometida, publicado a aclamação da crítica em 1965, que conta a história de sua maioridade durante os anos 40 e 19 em Harlem.
Eu descobri Chinua em 1989, quando eu estava fazendo o curso na Usp Para entender melhor a Africa, através do seu livro: O Mundo se Despedaça. O livro foi traduzido em 50 diferentes linguas e vendeu mais de 11 milhões, e foi transformado em filme.
Things Fall a Part- Scene 1 - O Mundo se Despedaça part 1
10- Albert Chinualumogu Achebe nasceu na cidade de Ogidi,  no dia 16 de novembro de 1930. 30 anos antes da Nigéria se libertar do domínio colonial britânico. Fez seus estudos básicos em um colégio missionário e, embora educado na cultura ocidental, também foi criado na cultura tradicional Igbo, seu grupo étnico, no sudeste da Nigéria. Quando chegou a universidade, ele renegou o seu nome britânico, Albert, para assumir o seu nome Igbo: Chinualumogu (Chinua abreviado). Chinua Achebe escreveu cerca de 30 livros (romance, contos, ensaio e poesia), alguns dos quais retrataram a depreciação que o Ocidente faz sobre a cultura e a civilização africanas, bem como os efeitos da colonização do continente pelos europeus, mas também escreveu obras abertamente críticas à política nigeriana. Chinua passou a morar definitivamente nos Estados Unidos em 1990. Achebe criticava frequentemente os dirigentes nigerianos, pela corrupção e má administração do país, tendo recusado por duas vezes ser condecorado pelas autoridades locais.
 Uma noite com Chinua Achebe - An Evening with Chinua Achebe 
Achebe recebeu mais de 30 graus honorários de universidades na Inglaterra, Escócia, Canadá, África do Sul, Nigéria e Estados Unidos. Ele recebeu o Prêmio de Poesia da Commonwealth, uma Bolsa de Honra da Academia Americana de Artes e Letras (1982), Membro Honorário Estrangeiro da Academia Americana de Artes e Ciências (2002), a Ordem Nacional da Nigéria de Merit (o maior honra da Nigéria para o trabalho acadêmico), o Prêmio da Paz do Comércio de Livros Alemães, [209], o Prêmio Internacional Man Booker 2007 [210] e o Prêmio Dorothy e Lillian Gish 2010. Foi nomeado Embaixador da Boa Vontade no Fundo das Nações Unidas para a População em 1999.
 Em 2012, ele lançou o livro "There was a Country: a Pessoal History of Biafra", onde relembrou suas vivências na época do conflito em Biafra e o governo central da Nigéria, quando Achebe desempenhou funções diplomáticas e fez parte do Ministério de Informação de Biafra até o fim da guerra. Ele morreu em Boston, aos 82 anos, em 22 de março de 2013.


11- Frederick Douglass - Frederick Augustus Washington Bailey (c. Fevereiro de 1818 - 20 de fevereiro de 1895) foi um abolicionista, estadista e escritor estadunidense. Chamado "O Sábio de Anacostia" ou "O Leão de Anacostia", ele foi o mais eminentes americanos do seu tempo, e dos mais influentes na história dos Estados Unidos, sobretudo no período da Guerra de Secessão e consequente abolição da escravatura.
Escritos
Uma narrativa da vida de Frederick Douglass, um escravo americano (1845)
"O Escravo Heróico". Autógrafos para a liberdade, 1853.
Minha Bondage e Minha Liberdade (1855)
Vida e tempos de Frederick Douglass (1881, revisado em 1892)
Douglass fundou e editou o jornal abolicionista The North Star de 1847 a 1851. Ele fundiu a Estrela Norte com outro artigo para criar o papel Frederick Douglass.
Nas Palavras de Frederick Douglass: Citações do Campeão da Liberdade, 2012.
Discursos
"A Igreja e o Preconceito"
Homens Self-Made
A hipocrisia da escravidão americana, 1852
"Discurso no National Hall, Filadélfia, 6 de julho de 1863, para a Promoção dos Enchimentos Coloridos"
"O que para um escravo é o 4 de julho?"


Iceberg Slim: Retrato de um Cafetão:  Portrait of a Pimp  (2013)
12- Iceberg Slim. Em 1961, Robert saiu da prisão depois de cumprir 10 meses de confinamento solitário. Ele acreditava que ele era muito velho para a vida de cafetão, incapaz de competir com jovens cafetões, mais cruel. Ele mudou-se para Los Angeles e mudou seu nome para Robert Beck, tendo o último nome do homem que sua mãe foi casada por um tempo.  Ele conheceu Beth shue, que se tornou sua esposa e mãe de suas três filhas, enquanto ele estava trabalhando como vendedor de inseticida. Betty o encorajou a escrever a história de sua vida como um romance, e eles começaram esporadicamente escrever alguns projetos de capítulos. Um escritor branco, a quem Robert, mais tarde, apenas se referem a como "o professor", tornou-se interessado em escrever história de vida dele e ele tornou-se convencido de que o homem estava tentando roubar a sua ideia para si mesmo, e terminou sem ele. 
 Em 1967 Pimp: A Historia de Minha Vida, livro de memórias foi publicado
Ele foi reimpresso 19 vezes e vendeu quase 2 milhões de cópias.  Pimp acabou por ser traduzido em alemão, francês, italiano, português, espanhol, holandês, sueco, finlandês e grego. 


Em 1967 Truque do bebê: A biografia de um homem falsario, foi adaptado como um filme homônimo 1972, dirigido por Larry Yust e foi produzido de forma independente por US $ 600.000, com um elenco desconhecido. Universal Pictures adquiriu o filme de US $ 1.000.000 e lançado em 1973, o filme arrecadou US $ 11.000.000 nas bilheterias dos EUA.
Em 1969 Mama Black Widow: A Story of submundo do Sul Black, novela
Em 1971 The Naked Soul of Iceberg Slim: história real de Robert Beck, a autobiografia 
Em 1976, Robert lançou o álbum Reflexões, em que recitou trechos de sua autobiografia sobre um suporte musical funk fornecido pelo Holloway Quarteto Vermelho. 
Em 1977 Long Con White:  The Biggest Score de sua vida.  e Death Wish: Uma História da Máfia,  foram publicados.
Em 1982 Robert casou com Diane Millman.
Em 1985 Hermético Willie & Me,
Robert sofria de diabetes e tornou-se cada vez mais recluso. Ele morreu de insuficiência hepática em  1992, aos 73 anos de idade. 
Em 1998 foi publicado acoleção de história Desgraça Fox, escrito 1978,  novela
Em 2015 publicado postumamente Irmã do Shetani , novela
Ele vendeu mais de seis milhões de livros antes de sua morte em 1992.

13- Lima Barreto - Afonso Henriques de Lima Barreto (13 de maio de 1881 —1 de novembro de 1922), foi um jornalista e escritor que publicou romances, sátiras, contos, crônicas e uma vasta obra em periódicos, principalmente em revistas populares ilustradas e periódicos anarquistas do início do século XX. A maior parte de sua obra foi redescoberta e publicada em livro após sua morte por meio do esforço de Francisco de Assis Barbosa e outros pesquisadores, levando-o a ser considerado um dos mais importantes escritores brasileiros
 Continuação: http://www.happyfamilyinlove.com/2017/06/os-maiores-escritores-da-historia.html